‘É importante a palavra do sucessor de Pedro à frente de toda a Igreja’

Recordou o Arcebispo de São Paulo, no programa ‘Encontro com o Pastor’, da rádio 9 de Julho

‘É importante a palavra do sucessor de Pedro à frente de toda a Igreja’, Jornal O São Paulo
Luciney Martins /O SÃO PAULO

O Cardeal Odilo Pedro Scherer falou sobre a missão do Papa, no programa “Encontro com o Pastor”, da terça-feira, 22, na rádio 9 de Julho.

O assunto foi tratado no dia em que a Igreja festeja a Cátedra de São Pedro.

O Arcebispo de São Paulo explicou que a cátedra é o lugar de onde o mestre ensina. Detalhou, ainda, que a cátedra episcopal está na catedral, onde o bispo tem a missão de ensinar, confirmar os irmãos na fé verdadeira da Igreja, simbolizando justamente o dever, a missão e o carisma do bispo diocesano de cuidar do ensinamento, da fé, formação cristã, do anúncio do Evangelho, na formação moral e social do povo.

E onde está a cátedra, a catedral, é sempre a sede da diocese, por isso há apenas uma e só pode ser ocupada pelo bispo diocesano. Desta forma o Papa está na Sé de Pedro, na Santa Sé, que a Sé de Pedro, o bispo de Roma. Por isso mesmo, papa como sucessor de Pedro ocupa a cátedra de Pedro.

“Jesus escolheu Pedro, lhe deu as chaves do poder, da autoridade. E depois recomendou que o Apóstolo se convertesse cada vez mais e, uma vez convertido, convertesse e confirmasse os irmãos na fé. Esta é a missão do papa. Por isso que o Papa tem magistério, que ensina na cátedra. É importante a palavra do sucessor de Pedro à frente de toda a Igreja”, explicou Dom Odilo.

O Cardeal afirmou ainda que nem toda palavra do Santo Padre é com autoridade de mestre, mas os ensinamentos importantes de doutrina e moral, as encíclicas, as exortações apostólicas devem ser recebidas como ensinamentos de cátedra.

“É claro que nós não celebramos a festa de uma cátedra, simplesmente de uma cadeira. Celebramos o que simbolicamente ela significa. Celebramos a autoridade do Papa, sucessor de Pedro.”, enfatizou.  

Por fim, Dom Odilo exprimiu sua tristeza com os que criticam o Santo Padre e questionam a autoridade do Pontífice. O Arcebispo Metropolitano enfatizou que a este falta-lhes consciência cristã, pois os católicos devem obediência ao Papa.

OUÇA A ÍNTEGRA DO PROGRAMA “ENCONTRO COM O PASTOR”

Deixe um comentário