Faculdades de Teologia e de Direito Canônico abrem ano acadêmico de 2022

Faculdades de Teologia e de Direito Canônico abrem ano acadêmico de 2022
Foto: Luciney Martins /O SÃO PAULO

O Cardeal Odilo Pedro Scherer presidiu na sexta-feira, 11, a missa de abertura do ano letivo da Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), e da Faculdade de Direito Canônico São Paulo Apóstolo, ambasda Arquidiocese de São Paulo.

A Eucaristia, celebrada na matriz da Paróquia Imaculada Conceição, anexa ao campus Ipiranga da PUC-SP, marcou a retomada das atividades acadêmicas presenciais das instituições, após dois anos de aulas remotas, devi- do às restrições impostas pela pandemia de COVID-19.

Na ocasião, o Diretor da Faculdade de Teologia, Padre Boris Agustín Nef Ulloa, e o Diretor Adjunto, Padre Donizete José Xavier, tomaram posse para mais quatro anos de mandato, após serem nomeados pelo Cardeal Scherer, que também é Grão-Chanceler da PUC-SP, e aprovados pela Congregação para a Educação Católica, organismo da Santa Sé responsável pelas instituições eclesiásticas de ensino.

Também nessa missa, dois novos professores – Padre Antônio Genivaldo Cordeiro de Oliveira, da área de Teologia Pastoral, e a Irmã Maria Solange Aparecida Novaes, da área de Teologia Moral – receberam do Arcebispo de São Paulo a Missio Canonica, que consiste na licença para lecionar as disciplinas teológicas nas instituições da Igreja.

PROFISSÃO DE FÉ

Antes de assumirem os novos cargos, os diretores e professores fizeram a profissão de fé e o juramento de fidelidade diante do Arcebispo, reafirmando o compromisso de se manterem em comunhão com a Igreja, “tanto por palavras quanto em sua maneira de proceder”. “No exercício do cargo que me foi confiado, em nome da Igreja, conservarei intacto, transmitirei e explicarei fielmente o depósito da fé, evitando todas as doutrinas que lhe são contrárias”, diz um trecho do juramento feito por cada professor, enquanto toca o livro dos Evangelhos.

SABER TEOLÓGICO

Após a celebração, houve a sessão acadêmica de tomada de posse da direção da Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção. Em seu discurso, o Cardeal Scherer afirmou que o trabalho realizado pelos Padres Boris e Donizete no último quadriênio os credenciou para serem reconduzidos a mais um mandato. Dom Odilo enfatizou, ainda, a contribuição da Faculdade de Teologia não apenas por meio dos cursos de graduação e pós-graduação na área, mas também nas diversas frentes de estudo e pesquisa da PUC-SP, sobretudo por meio dos créditos teológicos oferecidos aos alunos de todos os cursos da Universidade, devido à sua natureza pontifícia. “A Teologia deve estar em diálogo com a Economia, o Direito, a Administração, a Filosofia, a Saúde, as Ciências Sociais… Assim, mostra-se, de fato, a vocação da Teologia de ouvir atenta a todas as questões postas pela vida, pela sociedade, e ajudar a discernir sobre essas realidades a partir de um olhar diferente das ciências humanas e exatas, com seu método próprio”, afirmou o Arcebispo.

A reitora da PUC-SP, Maria Amalia Pie Abib Andery, também enfatizou o quanto a Faculdade de Teologia enriquece e diferencia a Universidade das demais instituições. “A Pontifícia Universidade Católica de São Paulo tem a obrigação de ajudar a sociedade a enfrentar os grandes desafios da humanidade e, certamente, terá mais condições e tem muito a ganhar com a Faculdade de Teologia”, disse.

EXIGÊNCIA DA FÉ

Ao renovar a missão à frente da faculdade, Padre Boris ressaltou que a instituição se prepara para celebrar 75 anos de fundação em 2024. “Em continuidade com as gerações que nos precederam nesta casa, caberá a nós, corpo docente, discente e administrativo, renovar seu compromisso com a Igreja de Cristo presente em nossa metrópole”, afirmou. O diretor sublinhou que “produzir, estudar e ensinar Teologia é, antes de tudo, uma exigência da fé recebida dos apóstolos e testemunhada ao longo dos séculos pelos santos e mártires”.

FACULDADE DE TEOLOGIA

Fundada em 20 de setembro de 1949 pelo Cardeal Carlos Carmelo de Vasconcelos Motta, então Arcebispo de São Paulo, a Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção nasceu integrada à PUC-SP, criada em 1946. Oferece cursos de Bacharelado em Teologia e de Pós-Graduação, Mestrado e Doutorado, bem como cursos livres aprovados pela legislação brasileira e adequados às diretrizes da Santa Sé. Atualmente, estudam na instituição seminaristas da Arquidiocese de São Paulo e das dioceses paulistas de Osasco, Registro, Guarulhos, Santo André, Santos e Campo Limpo, além de religiosos de ordens como os Frades Menores Conventuais e de Nossa Senhora das Mercês, e congregações como os Missionários Combonianos, Missionários da Consolata, Missionários do Sagrado Coração de Jesus, entre outros. Há, ainda, o curso noturno, voltado especialmente para leigos e candidatos ao diaconato permanente.

FACULDADE DE DIREITO CANÔNICO

Primeira faculdade de Direito Canônico do Brasil pela Congregação, a Faculdade de Direito Canônico São Paulo Apóstolo foi erigida canonicamente em 26 de fevereiro de 2014, sendo fruto da elevação do então Instituto de Direito Canônico “Padre Dr. Giuseppe Benito Pegoraro”.

Possui autonomia para oferecer a formação exigida para a obtenção dos diplomas de mestre e doutor em Direito Canônico, concedidos com o reconhecimento da Santa Sé. Até então, existiam no Brasil apenas institutos afilia- dos a universidades pontifícias que concediam seus títulos acadêmicos.

Atualmente, além do curso ofereci- do em São Paulo, a Faculdade de Direito Canônico São Paulo Após- tolo possui extensões do curso de mestrado em Direito Canônico em Teresina (PI) e em Marília (SP).

Deixe um comentário