Papa se une a 25 artistas internacionais no Vaticano por ações de transformação cultural

Esse é o objetivo do primeiro encontro promovido pela Fundação Vitae que começa na quarta-feira (31), no Vaticano. O Pontífice, que vai participar de um dos eventos do Primeiro “Vitae Summit”, e a Rainha Sofia, da Espanha, são os principais incentivadores das atividades da organização que tem sede na Argentina, mas procura difundir os valores das artes, da indústria do entretenimento e da mídia em nível internacional.

Papa se une a 25 artistas internacionais no Vaticano por ações de transformação cultural, Jornal O São Paulo
Representantes da fundação Vitae com o Papa em dezembro de 2021 
Vatican Media

O Papa Francisco vai participar de um dos eventos do Primeiro Vitae Summit, a cúpula organizada pela fundação argentina sem fins lucrativos Vitae Global que também vai reunir personalidades do mundo das artes, do entretenimento e da mídia em vista de ações práticas para uma transformação cultural. As atividades acontecem na quarta (31) e na quinta-feira (01), na Casina Pio IV, no Vaticano.

Os artistas convidados

O presidente e fundador da Vitae Global, Luis Quinelli, não revelou nem os temas e nem os nomes dos convidados confirmados para o evento, mas comentou que serão “25 artistas participantes, todos artistas de influência global”, entre músicos, atores, diretores e produtores, como latinos, “muitos deles de Hollywood, artistas europeus e aqueles que têm voz e já estão falando para 8 bilhões de pessoas no planeta”. Em entrevista ao jornal “Diario Las Américas”, no entanto, Quinelli antecipou os nomes de três dos artistas que farão parte deste grupo privilegiado: o tenor italiano Andrea Bocelli, o ator mexicano Eduardo Verástegui e o cantor mexicano Alexander Acha.

Papa se une a 25 artistas internacionais no Vaticano por ações de transformação cultural, Jornal O São Paulo
Vatican News

Para Quinelli, a cúpula no Vaticano será um evento no qual os participantes, com a presença e inspiração do Papa, poderão compartilhar experiências e, num esquema de colaboração através de uma conversa, vão poder cocriar mensagens e projetos massivos de alto impacto para serem multiplicados pelo mundo. Sempre, acrescentou ele, “com base nos valores universais que fomentam o encontro e a esperança”.

A Fundação Vitae Global já conta com o apoio pessoal da Rainha Sofia, da Espanha, e do próprio Papa Francisco. Encontros privados com o Pontífice justamente criaram a oportunidade para que os representantes da organização apresentassem a proposta para realizar a primeira cúpula no Vaticano.

Fonte: Vatican News

Deixe um comentário