Solidariedade e inovação para evitar as mortes pelo frio

Quando os termômetros da cidade marcam 13ºC ou menos, o “sinal de alerta” é ligado na Casa de Oração do Povo da Rua, no bairro da Luz: é preciso ir até os irmãos nas calçadas e praças para verificar quais precisam de um cobertor ou mais agasalhos para suportar o frio intenso.

Em dias assim, na Kombi que sempre carrega as refeições que são distribuídas à população em situação de rua, os cobertores ocupam o porta-malas e outros espaços do veículo para serem distribuídos a quem mais precisa.

Luciney Martins/O SÃO PAULO

“Hoje vivem em situação de rua na cidade cerca de 30 mil pessoas. A demanda é sempre maior do que a quantidade de cobertores que temos. Quem vem de fora olha para o estoque e pode pensar que já há muito, mas passam três, quatro dias, não resta mais nada. A nossa Kombi sempre sai lotada, com mais de cem cobertores, e volta vazia”, detalha ao O SÃO PAULO Ana Maria Alexandre, coordenadora da Casa de Oração do Povo da Rua, espaço mantido pela Arquidiocese de São Paulo, por meio do Vicariato Episcopal para a Pastoral do Povo da Rua, cujo Vigário Episcopal é o Padre Julio Lancellotti.

Diante da necessidade crescente de mais cobertores, a Casa de Oração lançou a campanha “Aqueça a noite de alguém – Doe Cobertores”. Roupas de frio, toucas, meias e luvas, todos em bom estado de conservação, também podem ser entregues a todo momento no local, bem como na Paróquia São Miguel Arcanjo, no Belém, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h.

Ana Maria lembra que, nos dias mais frios, a Kombi da Pastoral do Povo da Rua circula pela cidade à procura daqueles que em grupos, isolados ou caminheiros estejam desprotegidos do frio. Há também os que batem à porta da Casa de Oração pedindo cobertores. Ela lembra que sempre são necessárias mais doações, pois estes irmãos têm dificuldades para guardar os itens ou mantê-los limpos.

PONTOS DE COLETA

Casa de Oração do Povo da Rua:
Rua Djalma Dutra, 03 – Luz
Tel: (11) 3106-5531 e (11) 99427-9070 (Ana Maria)

Paróquia São Miguel Arcanjo
Rua Taquari, 1100 – Belém

SACOS DE DORMIR

Na Casa de Oração também estão sendo confeccionados sacos de dormir para as pessoas em situação de rua, feitos com tecidos de guarda-chuva.

A ideia partiu do casal Luiz Rocha e Kelen Messias, que tem recolhido doações de guarda-chuvas usados e feito os sacos do dormir, reutilizando seu tecido. A ação solidária “Guarda-chuva & Você” começou em setembro do ano passado e agora está sendo potencializada, uma vez que, além de costurarem no próprio apartamento, Luiz e Kelen têm à disposição as três máquinas de costura da Casa de Oração.

“Fizemos uma pequena adaptação no salão e estamos costurando ‘a mil por hora’. Qualquer pessoa pode nos ajudar durante o tempo que tiver disponível, na hora em que puder, mais é melhor que seja durante o dia. E ainda que só consiga fazer uma peça, já será de grande ajuda. Nossa ideia é que as máquinas de costura não parem”, destaca Ana Maria.

CLIQUE E SAIBA MAIS DETALHES SOBRE A AÇÃO “GUARDA-CHUVA & VOCÊ”

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter