Um ano de memórias e graças a Deus pela vida de Dom Paulo

Ele foi recordado em livros, jornais, eventos acadêmicos, solenidades públicas e até em uma exposição fotográfica. Dom Paulo Evaristo Arns (1921-2016), Arcebispo de São Paulo entre 1970 e 1998, teve a memória enaltecida desde setembro de 2021, por ocasião das comemorações do centenário de seu nascimento. 

Dom Paulo

Com uma missa na Catedral da Sé, na quarta-feira, 14, às 12h, presidida pelo Cardeal Odilo Pedro Scherer, será concluído o ano comemorativo pelo centenário de Dom Paulo, cujas atividades na Arquidiocese de São Paulo foram organizadas pela “Comissão do Centenário do Nascimento do Cardeal Paulo Evaristo Arns, OFM”, instituída por Dom Odilo em abril de 2021. 

“Comemoramos o centenário do Cardeal Paulo Evaristo Arns e estamos aqui para recordá-lo, como um dom que Deus concedeu à humanidade e, particularmente, à Igreja e à comunidade de São Paulo. Entre os muitos aspectos da pessoa e da ação de Dom Paulo, desejo lembrar que ele foi um homem de esperança, e seu serviço à Igreja e à comunidade humana teve sempre a marca da esperança, ainda que a cruz fosse pesada para ele e para o povo”, disse Dom Odilo, na missa de abertura das comemorações do centenário do “Cardeal da Esperança”, em 14 de setembro de 2021

A seguir, apresentamos uma síntese dos principais eventos celebrativos do centenário de nascimento de Dom Paulo Evaristo Arns. 

EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA

Um ano de memórias e graças a Deus pela vida de Dom Paulo, Jornal O São Paulo
Luciney Martins/O SÃO PAULO

Na Basílica Menor de Sant’Ana ocorreu a exposição fotográfica “De Esperança em Esperança – Itinerário e Eclesiologia no Pastoreio de Dom Paulo Evaristo Arns”, com 40 imagens que retrataram o pastoreio de Dom Paulo na cidade de São Paulo, desde sua chegada em 1966, como Bispo Auxiliar na Arquidiocese. 

“Essa exposição ajudará a recordar a vida e o serviço prestado por Dom Paulo, dando, portanto, o devido reconhecimento a ele, mas, sobretudo, àquilo que acaba ficando para a história como patrimônio, como bem da Igreja, que fica para a memória para as gerações que virão depois de nós”, afirmou Dom Odilo, na abertura da exposição, em 28 de outubro de 2021

Com a curadoria do Padre José Roberto Abreu de Mattos, Reitor da Basílica, e Padre José Ulisses Leva, e imagens do arquivo da própria Basílica, da Cúria Metropolitana, do Núcleo de Memória do Colégio Santo Américo e dos fotógrafos Douglas Mansur e Luciney Martins, a exposição também foi levada à Sala do Museu de Arte Sacra de São Paulo (MAS) na estação Tiradentes do Metrô, de janeiro a março deste ano, e à Pinacoteca da cidade de Itanhaém (SP), em abril. 

EVENTOS ACADÊMICOS 

O Cardeal Arns também foi recordado no ambiente acadêmico. Em 8 de setembro de 2021, a PUC-SP realizou o evento on-line “Dom Paulo Evaristo Arns e a PUC-SP: autonomia e compromisso social”, durante o qual a reitora da universidade, a professora Maria Amália Pie Abib Andery, lembrou que no período do Cardeal Arns “a universidade passou por enormes transformações. Muito do que hoje, para nós, é uma marca da PUC-SP, foi construído nessa época”. 

Em junho deste ano, o centenário de nascimento do Cardeal Arns foi o tema da Semana Teológica 2022 da Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção da PUC-SP, durante a qual foi lançado o livro “Dom Paulo Evaristo Arns: um franciscano apaixonado pelo Reino de Deus na cidade”, da editora Educ

Também a Academia Paulista de Letras (APL) realizou uma sessão on-line para homenagear Dom Paulo em 23 de setembro de 2021. “Seu centenário é oportunidade para o Brasil recordar como a Igreja tem estado ao lado dos pobres e oprimidos”, disse na ocasião José Renato Nalini, presidente da Academia. 

De igual modo, o Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo promoveu um evento para recordar Dom Paulo em 4 de dezembro do ano passado. “O Cardeal Arns foi um grande intelectual, um estudioso da História e dos Padres da Igreja e teve grande preocupação social, características que o definem como uma personalidade marcante e digna desta homenagem”, afirmou Jorge Pimentel Cintra, presidente do Instituto. 

ATUAÇÃO ECUMÊNICA E INTER-RELIGIOSA

Um ano de memórias e graças a Deus pela vida de Dom Paulo, Jornal O São Paulo

O agir de Dom Paulo em favor do diálogo ecumênico e inter-religioso também foi enaltecido. Em 24 de outubro de 2021, a Comissão Nacional de Diálogo Religioso Católico-Judaico (DCJ) realizou o evento on-line “Dom Paulo, pessoa de fé sem fronteiras”

Na celebração dos 73 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, em 10 de dezembro de 2021, ocorreu um ato inter-religioso no Parque da Juventude, na zona Norte, promovido pela Frente Inter-Religiosa Dom Paulo Evaristo Arns, em parceria com a Comissão Justiça e Paz de São Paulo. Na ocasião, o Cônego José Bizon, Diretor da Casa da Reconciliação, destacou que todos ali estavam para recordar “o homem de Deus que Dom Paulo Evaristo foi, é e será para nós. Também conhecido como bom pastor, ele chorou e sofreu com as pessoas que estavam sufocadas nas pandemias da pobreza, do desemprego, da marginalização, da vulnerabilidade, do abandono nas ruas, pontes e marquises dos prédios”. 

Além disso, em 31 de maio deste ano, na Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos, a Casa da Reconciliação e o Centro Ecumênico de Serviços à Evangelização e Educação Popular (Ceseep) promoveram uma live sobre a dimensão ecumênica do Cardeal Arns. 

ATOS PÚBLICOS 

  • Em 13 de setembro de 2021, o Senado Federal realizou uma sessão especial em homenagem ao centenário. 
  • Em 13 de setembro, a Comissão de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados realizou uma audiência pública para celebrar o centenário do nascimento de Dom Paulo. 
  • Em 20 de setembro, aconteceu uma sessão solene na Câmara Municipal de São Paulo, que recordou os 100 anos de nascimento de Dom Paulo. 

IMPRESSOS E AUDIOVISUAIS 

  • Em setembro de 2021, em seu calendário “Grandes momentos e personalidades da ciência brasileira”, a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) homenageou o Cardeal Arns. 
  • O jornal O SÃO PAULO publicou em 14 de setembro de 2021 uma edição especial por ocasião do centenário de Dom Paulo; e em seu site, dedicou uma página ao Cardeal Arns: https://osaopaulo.org.br/dom-paulo
  • Ao longo do ano centenário, padres e bispos que conviveram com Dom Paulo gravaram testemunhos na rádio 9 de Julho sobre Dom Paulo. 
  • Em setembro de 2021, a TvFranciscanos iniciou a série de vídeos “Dom Paulo, Irmãos dos Pobres”. 
  • A edição de janeiro de 2022 da Revista de Cultura Teológica foi inteiramente dedicada a Dom Paulo Evaristo Arns, com seis artigos que, a partir de diferentes enfoques, mapeiam e sistematizam aspectos da atuação do Cardeal Arns. 
  • Em junho de 2022, foi lançado o livro “Dom Paulo Evaristo Arns: um franciscano apaixonado pelo Reino de Deus na cidade”, da editora Educ

1 comentário em “Um ano de memórias e graças a Deus pela vida de Dom Paulo”

  1. O sorriso do nosso querido Cardeal Dom Paulo Evaristo Arns é uma benção que faz tão bem ao coração 🙏 GRATIDÃO por essa linda homenagem a esse Santo Homem de Deus🙏.

    Responder

Deixe um comentário para Sonia Oliveira Cancelar resposta