Capital Paulista registra 51% de isolamento social no primeiro dia de feriado

(Crédito Agência Brasil)

O Sistema de Monitoramento Inteligente (SIMI-SP), do Governo de São Paulo, apontou que a cidade de São Paulo registrou 51% de isolamento social na quarta-feira, 20, quando houve a antecipação, apenas no calendário civil, do feriado de Corpus Christi, de 11 de junho. A celebração religiosa permanece mantida para esta data na Arquidiocese de São Paulo, em comunhão com a Igreja em todo mundo.

De acordo com a Prefeitura de São Paulo, a taxa de isolamento social ainda representa uma baixa adesão na capital paulista, podendo impactar ainda mais a economia, já que a quarentena poderá continuar enquanto os índices de transmissão da covid-19 (doença provocada pelo novo coronavírus) não diminuírem na cidade. De acordo com a recomendação das autoridades de saúde, o índice mínimo deve ser 55%.

Como forma de ampliar o índice de isolamento social, como forma de proteção e garantir a vida das pessoas, a Prefeitura decretou a antecipação dos feriados de Corpus Christi e do Dia da Consciência Negra para quarta (20/05) e quinta-feira (21/05), além de declarar ponto facultativo nas repartições públicas municipais da Administração Direta, Autarquias e Fundações na sexta-feira (22).

A Prefeitura ressalta que não se trata de “um feriado de lazer, mas servirá para que as pessoas fiquem em suas casas, protegendo os seus familiares”.

O poder público municipal aponta, ainda, que “o respeito ao isolamento social é fundamental para conter avanço da doença e preservar toda a rede de saúde (seja ela pública, filantrópica ou particular).  Com o baixo índice de isolamento da capital, todo esforço que a Prefeitura e o Governo do Estado têm feito para a ampliação do número de leitos será em vão e a quarentena deverá continuar enquanto a situação não estiver controlada.  Especialistas também afirmam que a preocupação vai além do número de leitos”.

No mais recente boletim da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), foram registrados 42.417 casos confirmados e 3.087 óbitos pela doença na capital. Outros 147.991 casos e 3.412 óbitos estão em investigação. Por isso que as pessoas devem colaborar ficando dentro de casa.

A implantação da quarentena segue orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS), da Organização Pan-americana de Saúde (Opas), Ministério da Saúde e do Centro de Contingência do coronavírus de São Paulo, formado por epidemiologistas, cientistas, pesquisadores, infectologistas e virologistas.

Atualmente, o plano para a retomada gradual do distanciamento social, feito pelo governo estadual, será baseado em critérios como: a estabilidade e o declínio do número de óbitos; variação epidemiológica; capacidade de todo o estado na resposta aos doentes graves e que necessitam de Unidade de Terapia Intensiva (UTI); e efetividade do distanciamento social

(Com informações da Prefeitura de São Paulo)

- publicidade -
- publicidade -

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

- publicidade -

Últimas Notícias

‘O Espírito Santo é aquele que reúne a Igreja e a santifica’

Afirmou o Cardeal Odilo Pedro Scherer, na Vigília de Pentecostes, na noite do sábado, 30.

Em meio à pandemia, muita devoção à Santa das Causas Impossíveis no Pari

Cônego Celso Pedro em missa na Capela do Santíssimo Na sexta-feira, 22, celebrou-se a padroeira da Paróquia Santa...

Padroeira da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora é festejada em missa

No domingo, 24, na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, Setor Pirituba, o Padre José Pedro Batista, Pároco, presidiu missa na Solenidade da Ascensão...

Freguesia do Ó já vive a expectativa da 200ª Festa do Divino

Padres Carlos Ribeiro e Orisvaldo Carvalho em missa transmitida pelo Facebook da Paróquia Nossa Senhora da ExpectaçãoFoto: Natália Figueira.

Lançada a campanha ‘Quero te ver de novo’

No domingo, 24, aconteceu o lançamento da campanha “Quero te ver de novo” (#QueroTeVerDeNovo), que busca conscientizar a população dos bairros de...

Casa Dom Orione: espaço aberto para acolher as pessoas em situação de rua

Atendimentos mantidos na Casa Dom Orione Mantido pela Paróquia Nossa Senhora Achiropita, o Espaço Social D’Achiropita – Casa...

Newsletter