Confira nossa versão impressa

No Sri Lanka, católicos se mobilizam para ajudar os mais pobres em meio à pandemia

GUSTAVO CATANIA RAMOS (ESPECIAL PARA O SÃO PAULO)

A comunidade católica do Sri Lanka mobilizou-se para assistir as famílias pobres e as pessoas mais vulneráveis afetadas pelos impactos socioeconômicos causados pela pandemia do novo coronavírus.

No Sri Lanka, católicos se mobilizam para ajudar os mais pobres em meio à pandemia
População do Sri Lanka busca se precaver da COVID-19 (Reprodução da internet)

Comunidades, dioceses, paróquias, congregações religiosas e associações organizaram-se para distribuir comida para as famílias pobres durante o isolamento imposto pelo governo do país. Além disso, itens de higiene, equipamentos de proteção contra o coronavírus e assistência médica gratuita são disponibilizados especialmente para as mulheres, crianças e idosos.

“Nós aumentamos as intervenções em coordenação com as dioceses”, afirmou à Agência Fides o Padre Mahendra Gunatilleke, diretor nacional da Cáritas do Sri Lanka.

“Em conformidade com os nossos parceiros, generosos em disponibilizar fundos para a resposta à crise, nosso esforços vão em duas direções: ajudar os pobres com ajuda humanitária; construir e organizar atividades que podem ajudar a mitigar o impacto social da crise da saúde e preparar uma recuperação sustentável da economia”, disse, ainda, o Sacerdote.

Impactos do coronavírus

A pandemia do novo coronavírus causou impactos severos na economia do Sri Lanka. O governo começou a levantar as restrições impostas há oito semanas para conter o avanço do vírus, apesar de não haver certeza do quando a pandemia será controlada no país.

Em três distritos do país, Colombo, Gampaha e Kalutara, os impactos foram ainda piores, que é a parte do território com uma grande concentração populacional nas áreas rurais e em que pequenas indústrias empregam quase 50% da população. No país, a renda diária de pequenos comerciantes, pescadores ou pedreiros foi a mais atingida, e muitas famílias, hoje, não têm mais meios para se sustentar.

Devido às restrições ao transporte, os produtos agrícolas encarecerem nas áreas urbanas, o que, também, impactou economicamente os agricultores. A agricultura contribui para 8% do Produto Interno Bruto e emprega 28% da força de trabalho do país. Trabalhadores agrícolas que dependem de uma renda diária estão desempregados e a vulnerabilidade de mulheres e crianças pobres aumentou.

Pushpa Ramyani De Soysa, enfermeira no Hospital Nacional de Colombo, expressou sua preocupação com o aumento da violência doméstica no país contra as mulheres durante a quarentena. A organização “Women in Need” (Mulheres em necessidade, em português) afirmou que, entre 16 de março e 1º de abril, recebeu mais chamadas de violência doméstica do que o comum. A Organização Nacional de Proteção às Crianças também reportou um aumento do abuso infantil.

O governo do Sri Lanka criou duas estruturas para lidar om a atual crise: o Centro de Operações para o Combate ao COVID-19e a Força Presidencial para a Recuperação da Economia e a Erradicação da Pobreza. O poder executivo adotou medidas para recuperar a economia, melhorar o sistema de saúde do país e aumentar a distribuição do comida. Apesar disso, as medidas não são suficientes para proteger toda a população da fome.

(Com informações da Agência Fides)

- publicidade -

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Compartilhe!

Últimas Notícias

Cardeal Scherer preside missa arquidiocesana com coroinhas

Este ano, o o evento organizado pela Pastoral Vocacional contou apenas com representantes dos coroinhas e foi transmitido pelas mídias digitais

CNBB: ‘Dom Pedro marcou sua vida pela solidariedade em relação aos mais pobres e sofridos’

Bispo emérito da Prelazia de São Félix do Araguaia (MT) faleceu neste sábado, dia 8

Morre Dom Pedro Casaldáliga

A Prelazia de São Félix do Araguaia (MT), a Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de...

Plantas ganham cada vez mais espaço nas casas e apartamentos!

Uma quitinete de um grande centro urbano pode abrigar uma horta? Confira as histórias de quem cultiva plantas em casa e dicas...

‘O Direito Canônico existe para atender ao mistério da Igreja’

Afirmou o Padre Denilson Geraldo, em aula inaugural do semestre acadêmico da Faculdade de Direito Canônico São Paulo Apóstolo

Newsletter