Confira nossa versão impressa

‘Nossa vida cristã deve ser uma pregação para aqueles que não leem o Evangelho’

‘Nossa vida cristã deve ser uma pregação para aqueles que não leem o Evangelho’
(Foto: Bruno Melo)

O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, destacou, na missa desta segunda-feira, 26, que o testemunho de uma vida cristã coerente é fundamental para a evangelização.

A Eucaristia, celebrada na capela de sua residência, foi transmitida pela rádio 9 de Julho e pelas mídias digitais da Arquidiocese.

O Evangelho do dia (Lc 13,10-17) apresenta a cena da cura de uma mulher doente há muitos anos e, por outro lado, a preocupação do chefe da sinagoga pelo fato de Jesus ter realizado o milagre em um sábado, dia de descanso, segundo a lei mosaica.

Jesus, por sua vez, responde: “Hipócritas! Cada um de vós não solta do curral o boi ou o jumento, para dar-lhe de beber, mesmo que seja dia de sábado? Esta filha de Abraão, que Satanás amarrou durante dezoito anos, não deveria ser libertada dessa prisão, em dia de sábado?”.

MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA

Dom Odilo ressaltou que o descanso de Deus no sétimo dia da criação, na verdade, foi para contemplação de sua obra, deixando que sua glória aparecesse. “Jesus olha para aquela mulher que sofria há tantos anos e precisava ser curada para que a glória de Deus se manifestasse”, disse.

O Cardeal também chamou a atenção para o fato que mesmo aqueles que o condenaram, negaram que houve um milagre e, por isso, a resposta de Jesus envergonhou aqueles que o acusavam e, o texto acrescenta que “a multidão inteira se alegrava com as maravilhas que ele fazia”.

O Arcebispo destacou que o domingo, dia de descanso dos cristãos, deve ser a ocasião de fazer aparecer a glória de Deus. “Por isso, nós vamos à missa, celebrar a ação de graças pela redenção… Deveríamos redescobrir sempre mais esse sentido do domingo. Não é simplesmente um dia sem trabalho. É descanso em honra do Senhor para cantar as maravilhas de Deus”.

VIDA DIGNA

Na primeira leitura (Ef 4,32-5,8), São Paulo exorta os fiéis a terem uma vida digna e recomenda a superação dos vícios, da idolatria, da ganância, da vida desordenada. “Outrora éreis trevas, mas agora sois luz no Senhor. Vivei como filhos da luz”, afirma o Apóstolo.

Ao comentar esse trecho, Dom Odilo enfatizou que viver na luz do Senhor significa buscar de uma vida moral e o cultivo das virtudes dignos do nome de cristãos. “O testemunho cristão vem de uma vida conforme o Evangelho e esta vida é, portanto, luz, sal, fermento. Nossa vida cristã deve ser uma pregação para aqueles que não leem o Evangelho”, acrescentou o Cardeal, sublinhando que quando cristão vive mal a sua fé, é motivo de escândalo e, consequentemente, afasta as pessoas do Evangelho.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Cardeal Scherer envia saudação ao prefeito reeleito de São Paulo

Em mensagem enviada a Bruno Covas, Arcebispo de São Paulo reitera a necessidade de um governo que não se esqueça dos mais pobres e...

Bruno Covas é reeleito prefeito de São Paulo

Ele foi o mais votado em 50 das 58 zonas eleitorais da cidade, tendo mais de 3,1 milhões de votos O candidato do PSDB à...

Padre Vitor Bertoli: uma vida dedicada à caridade e à promoção humana

No cruzamento da Avenida Rebouças com a Rua Henrique Schaumann e a Avenida Brasil, encontra-se a Igreja Senhor Bom Jesus dos Passos, na Praça...

Católicos coreanos abrem jubileu dos 200 anos do nascimento de São Kim Degun

Na manhã deste domingo, 29, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, presidiu uma missa na matriz da Paróquia Pessoal Coreana São...

Como denunciar as fake news e outras irregularidades nas Eleições 2020?

Em sites específicos e até pelas redes sociais é possível ajudar a combater a desinformação neste dia de eleições Neste dia de eleição, eleitores que...

Newsletter