Confira nossa versão impressa

‘Quem ouve a palavra de Deus tem alegria e paz no coração’

‘Quem ouve a palavra de Deus tem alegria e paz no coração’

O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, presidiu a missa na manhã desta sexta-feira, 5, na capela de sua residência, transmitida pela rádio 9 de Julho e pelas mídias digitais da Arquidiocese.

Nesta data, a Igreja celebra a memória de São Bonifácio, bispos nascido na Inglaterra por volta do ano 673, responsável pela evangelização na região da Alemanha , sendo martirizado por pagãos em 754.

ALEGRIA DO EVANGELHO

Dom Odilo iniciou a homilia destacando o trecho final do Evangelho do dia (Mc 12,35-37), no qual o evangelista diz que uma grande multidão escutava Jesus com prazer.

“O povo tinha alegria quando ouvia a Palavra de Deus”, ressaltou o Cardeal, recordando que tudo aquilo que vem de Deus provocam bons pensamentos e sentimentos. “Se somos movidos por pensamentos e coisas ruins e maldosas, tenhamos a certeza que isso não vem de Deus, pois o que vem dele traz alegria”, acrescentou.  

O Arcebispo destacou, ainda, o refrão do Salmo 118, que diz: “Os que amam vossa lei têm grande paz”. “A lei de Deus é os mandamentos e tudo aquilo que procede dele. Quando fazemos algo ruim não temos paz”, comentou Dom Odilo.

FIRMES NAS PERSEGUIÇÕES

Sobre a primeira leitura (2Tm 3,10-17), o Cardeal ressaltou que essa carta é praticamente um testamento de São Paulo, já na prisão, aguardando sua condenação à morte. O apóstolo recorda as muitas perseguições e sofrimentos que suportou e afirmou: “Mas de todas elas o Senhor me livrou”.

Em seguida, Paulo exorta a todos os que quiserem levar uma vida fervorosa em Cristo serão perseguidos. “Ele os aconselha a não ter medo das dificuldades e não desanimem nem se deixem abater, pois a recompensa será grande”, afirmou Dom Odilo.

Por fim, o apóstolos faz uma referencia ao valor da Sagrada Escritura, recordando que ela é inspirada por Deus e útil para ensinar, para argumentar, para corrigir e para educar na justiça, “a fim de que o homem de Deus seja perfeito e qualificado para toda boa obra”.

CORPUS CHRISTI

Na conclusão da missa, o Cardeal Scherer recordou que no próximo dia 11 a igreja celebra a Solenidade do Corpo e Sangue de Cristo (Corpus Christi). No entanto, devido à pandemia de COVID-19, não haverá celebrações com a presença de fiéis para que sejam evitadas aglomerações.

Porém, o Arcebispo afirmou que não há impedimento para que os sacerdote saiam pelas ruas com o Santíssimo Sacramento para abençoar os fiéis. Dom Odilo recomendou, ainda,  aos fiéis que participem, de suas casas, do tríduo preparatório para a solenidade e acompanhem pelas mídias digitais os vários momentos eucarísticos que as paróquias realizarão nesse dias.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Natal 2020: lições para aprendermos e ensinarmos

Quem diria, há um ano, que estaríamos nos preparando para o Natal desta maneira tão diferente de tudo o que cada um de nós...

Na solenidade da Imaculada Conceição, Papa Francisco fará homenagem particular a Nossa Senhora

Para evitar aglomerações, seguindo as recomendações das autoridades sanitárias contra a COVID-19, o Papa Francisco não realizará o tradicional ato de devoção a Nossa...

Na beleza do universo, contemplar a grandeza do Criador

Na quarta-feira, 2 de dezembro, se comemora o Dia Nacional da Astronomia, ciência que busca a compreensão física sobre o universo

Novena de Natal 2020: ‘Deus entra em nossas casas’

Subsídio preparado pela Arquidiocese de São Paulo é iluminado pelo sínodo arquidiocesano e pelas diretrizes gerais da CNBB, e está sensível ao atual momento...

Vídeo do Papa: ‘rezando, mudamos a realidade e nossos corações’

Foi divulgada, nesta terça-feira,1°, a videomensagem do Papa Francisco com a intenção de oração para dezembro, último mês de 2020, ano marcado pela pandemia...

Newsletter