Confira nossa versão impressa

Dom Odilo: esperar o futuro de Deus, ocupando-se com as responsabilidades do presente

Dom Odilo: esperar o futuro de Deus, ocupando-se com as responsabilidades do presente

O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, presidiu a missa na manhã desta quarta-feira, 26, na capela de sua residência.

Na Eucaristia, transmitida pela rádio 9 de Julho e pelas mídias digitais da Arquidiocese, Dom Odilo rezou por todo o povo de Deus, especialmente, aqueles que são atingidos diretamente pelos impactos da pandemia de COVID-19, como os doentes, profissionais da saúde e o mais pobres.

COERÊNCIA DE VIDA

No Evangelho do dia (Mt 23,27-32), Jesus novamente denuncia a hipocrisia dos escribas e fariseus, comparando-os a “sepulcros caiados”, belos por fora, mas, por dentro, estão cheios de ossos de mortos e de podridão.

“Jesus recomenda que sejamos fiéis e coerentes por dentro e por fora e que a bondade do coração se manifeste, sobretudo, na bondade de nossas ações”, ressaltou Dom Odilo.

DIGNIDADE DO TRABALHO

Já na primeira leitura (2Ts 3,6-10.16-18), São Paulo continua a sua exortação à comunidade de Tessalônica, onde muitas pessoas que acreditavam que a vinda do Senhor estava próxima, abandonaram seus trabalhos e responsabilidades. “Quem não quer trabalhar também não deve comer”, afirmou o apóstolo.

“O trabalho, além de ser uma atividade necessária para ganhar o pão, é também uma contribuição para a convivência pacífica e dignifica a pessoa”, afirmou o Cardeal, recordando que são muitas pessoas que estão sem emprego devido à atual situação econômica. “Precisamos refletir sobre a questão do trabalho de forma nova, diante de uma economia que não mais está baseada na iniciativa pessoal, mas depende muito da organização de quem proporcione trabalho para que outros possam acessá-lo”, continuou o Arcebispo.

Por fim, Dom Odilo enfatizou que o cristianismo não prega a ideia de esperar o futuro sem se ocupar com o presente. “O Evangelho ensina e a Igreja sempre insistiu que cada um se ocupe utilmente das suas tarefas de cada dia. Dessa forma, seja útil não apenas para si, mas também aos outros e, realizando bem a sua parte na edificação do mundo, torne-se merecedor de participar da vida eterna, da recompensa de Deus”, concluiu.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

A genialidade da ‘Missa Solemnis’ de Beethoven, em seus 250 anos

A “Missa Solemnis” foi estreada em abril de 1824, em São Petersburgo, na Rússia, por iniciativa do príncipe Nikolai Borisovich Galitzine. Tem...

Dom Ângelo Mezzari é ordenado Bispo

Nomeado pelo Papa Francisco Bispo Auxiliar de São Paulo em 8 de julho, o Monsenhor Ângelo Ademir...

Em Aleppo, na Síria, 2 padres morrem devido à COVID-19

Sacerdotes estavam entre os cinco da Ordem Franciscana que ainda está na cidade e desenvolve ações caritativas à população, fortemente afetada pela...

Monsenhor Ângelo Mezzari se tornará um sucessor dos apóstolos

Na tarde deste sábado, 19, às 15h, no Santuário do Sagrado Coração Misericordioso de Jesus, em Içara,...

Em cada árvore, muitas vidas beneficiadas

Crescem em São Paulo as ações da população para o plantio de árvores. Prefeitura lançará Plano Municipal de Arborização Urbana (PMAU) no...

Newsletter