Em Floriano (PI), diáconos de SP encontram católicos alegres, esperançosos e firmes na fé

Diáconos seminaristas Felipe Batista da Silva e Jonathan Aparecido foram enviados em missão, logo após serem ordenados em julho

Em Floriano (PI), diáconos de SP encontram católicos alegres, esperançosos e firmes na fé
Fotos: Diáconos Jonathan Aparecido e Felipe Batista

Ao final da ordenação diaconal, ocorrida em 9 de julho na Catedral Metropolitana, os novos diáconos seminaristas Felipe Batista da Silva e Jonathan Aparecido foram enviados pelo Cardeal Odilo Pedro Scherer em missão à Diocese de Floriano, no Piauí. 

A Diocese, criada em 2008, pelo Papa Bento XVI, tem como padroeiro São Pedro de Alcântara, e é dividida em seis regionais, possuindo 29 paróquias. O atual bispo é Dom Edivalter Andrade.

UMA ALEGRE ACOLHIDA

O Diácono seminarista Felipe Batista está em missão na Paróquia Santo Antônio, em Jerumenha, distante 313km de Teresina, capital do Piauí. Trata-se da igreja mais antigo do estado, tendo sido construída pelos jesuítas em 1740. 

Em Floriano (PI), diáconos de SP encontram católicos alegres, esperançosos e firmes na fé

“Está sendo um período de grande valia”, contou o Diácono Felipe Batista, detalhando, ainda, o acolhimento das pessoas. “Eles me acolhem com muita alegria e muitos se emocionam por receberem uma visita”, afirmou, relatando, também, que muitos nunca tiveram um contato anterior com um diácono.

O futuro sacerdote Felipe afirma que colocou como meta essencial de sua missão a visita aos doentes e às casas, e a realização da adoração eucarística. “É essencial fazer com que as pessoas conheçam Jesus sacramentado”, frisou. 

Sobre a população, o Diácono destaca que, apesar da pobreza, são pessoas muito felizes e acolhedoras. “Não têm quase nada para oferecer, mas o pouco que têm oferecem com todo o coração. E o principal que oferecem é sempre um coração e um sorriso no rosto”, afirmou, dizendo-se emocionado com estes gestos. 

Felipe concluiu que a experiência missionária será frutuosa para ele e para a Arquidiocese de São Paulo. “Viemos aqui de uma forma, porque conhecemos somente o nosso território, mas quando conhecemos a cultura e o território dos outros, quando voltamos com uma experiência muito rica. E creio que não seremos padres de gabinete, mas padres que têm cheiros de ovelha”, frisou.


FORTE DEVOÇÃO POPULAR

Já o Diácono seminarista Jonathan Aparecido realiza sua experiência missionária nas Paróquias São Francisco do Piauí e São José, ambas no distrito de São José do Peixe, tendo muitas comunidades rurais e quantidade de sacerdotes insuficiente para a demanda pastoral. 

Em Floriano (PI), diáconos de SP encontram católicos alegres, esperançosos e firmes na fé

“É um povo muito católico e fervoroso, que tem uma fé sustentada pelos grupos populares”, destacou, ressaltando que nas comunidades rurais, a população vive do cultivo e da plantação. 

O Diácono tem realizado visita aos doentes e diferentes iniciativas de evangelização, a fim de que a população local busque pelos sacramentos. 

Por fim, Jonathan ressalta que os fiéis têm sua fé sustentada na devoção popular, e são muito presentes nas orações e na união comunitária. 

Deixe um comentário