Os mitos educativos: a arte de aprisionar os pais e impedir o crescimento saudável dos filhos

A cada dia que passa, fico mais impressionada com a paralisia que acomete os pais em relação ao processo educativo dos filhos.  Sem dúvida nenhuma, houve tempos complicados no que diz respeito às relações familiares, em que pais exerciam o mando por meio de atitudes autoritárias e pouco afetivas. Se olharmos para a história, veremos que isso fazia parte de toda uma condição sociocultural específica e de uma visão reduzida do que é a criança e de como se dá … Leia mais

Cuidado para não ser parte de demandas agressoras

Você já foi contatado por um advogado por telefone ou por anúncios de redes sociais para demandas em massa, caso do “Limpe seu Nome” negativado no Serasa, com a proposta de declarar inexistente uma dívida, ainda que seja existente e devida por você, com o pedido de indenização por danos morais? Cuidado! Essa pode ser uma demanda agressora.  Diversamente das demandas em massa decorrentes de uma efetiva e repetitiva lesão a uma série de pessoas, as demandas agressoras são fabricadas … Leia mais

E se o sofrimento bate à porta?

Esta semana, vivi a experiência de acompanhar de perto uma situação bastante triste: pais que receberam um diagnóstico de uma doença grave do filho de 5 anos, que terão que submetê-lo a um tratamento pesado (que ainda nem sabem bem qual será). Eles não sabiam como dizer à criança o que estava acontecendo.  Claro que uma situação grave como essa, poucas vezes se apresenta na vida das pessoas. Mas, acompanhando famílias há muito tempo, percebo que uma das maiores dores … Leia mais
ilustra

A pós-verdade e o controle da mídia

“Pós-verdade” é um termo que vem sendo repetido pela mídia na última década. Como já disse, não gosto muito de termos forçosamente propostos, aplicados de forma massiva e não orgânica, que induzem a uma interpretação ideologicamente guiada.  Quando o termo é dúbio, costumo buscar socorro no dicionário por uma definição mais primária. A “pós-verdade” virou celebridade já na sua estreia, quando recebeu o título de “palavra do ano” pelo “Dicionário Oxford”, em 2016, que a definiu assim: “Circunstâncias nas quais … Leia mais

Convívio familiar: tempo de qualidade ou tempo em quantidade; como equilibrar a equação?

Sei que estamos vivendo tempos complicados no que diz respeito às necessidades de trabalho e o ritmo que o trabalho profissional assume. Que temos diferentes realidades familiares: mães solteiras, pais separados, famílias que dependem da renda de ambos para sobreviver, mães que têm a renda maior na casa, enfim… inúmeras são as realidades, as circunstâncias e as necessidades.  Dito isso, entro agora no assunto em questão: muitos dizem que não importa a quantidade do tempo que os pais convivam com … Leia mais

Benefício de Prestação Continuada: o dever de assistência social ao idoso

Tem sido cada vez mais comum encontrar idosos pedintes de esmolas ou vendedores de doces e bugigangas nas principais ruas da cidade de São Paulo. Esses idosos lutam pela sobrevivência após uma vida de dedicação ao trabalho, à família e à comunidade. Você já notou quantos aparecem em seu caminho para o trabalho ou para algum compromisso pessoal?  Choca-nos pensar que esses idosos, em situação mendicante, não possuem o mínimo para levar sua vida dignamente. Ainda mais empobrecidos do que … Leia mais

Superproteção: um mal fantasiado de bem

Crianças nascem pequenas, frágeis, débeis, incapazes de sobreviver sem o cuidado dos pais ou de algum adulto que se responsabilize por elas e seu bem-estar. Diante dessa real fragilidade, os pais, rapidamente, ocupam o lugar de proteção de seus pequenos e assumem os cuidados necessários para que sobrevivam e possam crescer.  Há, no entanto, um limite tênue nesse movimento, que muitas vezes acaba passando despercebido. Para que eles verdadeiramente cresçam e se tornem pessoas autônomas, capazes de cuidar de si … Leia mais

Afinal, missa on-line ‘vale’?

Se você parou para ler este artigo por pura curiosidade, podemos seguir. Mas, se você veio até aqui para saber se a missa on-line realmente “vale”, precisamos fazer uma pausa para meditarmos com cuidado sobre esse tema.  A missa é a atualização do sacrifício de Jesus na cruz, sobre o altar. Naturalmente, Jesus não sofre novamente as dores da Paixão, mas de modo misterioso e incruento (sem derramamento de sangue) se oferece novamente, aplicando sobre nós os merecimentos infinitos da … Leia mais

O perigo do sentimentalismo na educação dos filhos

Há algum tempo, observo, com certa preocupação, um movimento dos pais de olharem para os filhos como espectadores. Conseguem descrever muitos comportamentos que estes têm, sem fazer a mínima ideia se devem ou não intervir, e como seria saudável fazê-lo.  Conversando com muitos pais e convivendo com as famílias, vejo que o que impacta e paralisa o movimento educativo paterno é o medo – medo de traumatizar, medo de errar, medo de deixar marcas inadequadas na vida dos filhos. Obviamente, … Leia mais

A legalidade da entrega voluntária de uma criança para adoção

Nas últimas semanas, por causa da violação do sigilo do caso de entrega para adoção de uma criança, nascida de uma atriz famosa que fora vítima de estupro, muito se debateu sobre isto: o que envolve a decisão de uma mãe que voluntariamente entrega seu próprio filho para adoção.  Surgiram diversos questionamentos a respeito e uma enorme confusão entre essa entrega voluntária e o crime de abandono de incapaz. Valem, nesse sentido, alguns esclarecimentos para melhor compreensão do debate.  Conhecida … Leia mais