Confira nossa versão impressa

‘A religião nunca deve ser um instrumento para promover ódio e violência’

‘A religião nunca deve ser um instrumento para promover ódio e violência’
Reprodução da Internet

Durante o programa “Diálogos de Fé”, do domingo, dia 1º, transmitido pela rádio 9 de Julho e pelo Facebook, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, condenou a violência em nome da religião, referindo-se ao atentado ocorrido na Basílica de Notre- -Dame, em Nice, na França, no dia 29 de outubro, que deixou três mortos, dentre os quais uma brasileira.

“A religião nunca deve ser um instrumento para promover ódio contra os outros ou em nome de Deus. A violência contra os outros em nome de Deus é absolutamente errada”, enfatizou Dom Odilo, sublinhando a necessidade do respeito à consciência religiosa daqueles que professam uma fé diferente.

“Devemos continuar firmes nas nossas convicções e, por outro lado, promover iniciativas de conhecimento, diálogo e respeito recíproco. Podemos pensar de maneiras muito diferentes, mas podemos conviver, conversar, entender-nos”, completou o Cardeal.

BEM-AVENTURADOS

O Arcebispo lamentou que esse fato chocante não seja o primeiro e deve servir de alerta aos cristãos católicos no Brasil, a fim de que não usem a religião como base para proclamar o ódio contra os outros. “Não devemos usar o nome de Deus para promover o ódio, a difamação contra os outros. Isso é contrário a todo princípio religioso e cristão”, disse.

O Cardeal afirmou, ainda, que, enquanto rezava pelos mortos e feridos no atentado, unia-se à comunidade católica que se reúne naquela igreja todos os domingos para celebrar a fé. Em seguida, recordou o trecho do Evangelho das bem-aventuranças, proclamado na Solenidade de Todos os Santos: “Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem, e, mentindo, disserem todo tipo de mal contra vós, por causa de mim. Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus”.

“Isso faz parte da história do Cristianismo desde o início. O ódio e a perseguição por causa do Evangelho e do nome de Jesus não deve nos desencorajar a viver como cristãos. Ao contrário, deve nos encorajar ainda mais a permanecer firmes e testemunhar com serenidade e mansidão a nossa fé”, completou

TODOS OS SANTOS

Ainda sobre a Solenidade de Todos os Santos, o Cardeal Scherer disse que essa comemoração litúrgica convida os cristãos a olhar para o futuro e para o presente ao mesmo tempo. “Os santos que estão no céu são a Igreja que está na glória, que chegou à sua meta, que é estar com Deus na vida eterna”, explicou.

Dom Odilo salientou, ainda, que, por meio da comunhão dos santos, os fiéis da terra já têm parte na Igreja celeste. “Comemorando Todos os Santos, nós levantamos nosso olhar para o horizonte que temos pela frente. Um olhar de esperança, alegria e conforto, porque temos uma meta para a qual caminhamos”, acrescentou.

“São tantas pessoas que nos esperam no céu e fazem ‘torcida’ para que cheguemos lá também, pois os santos são nossos intercessores e nos animam para que também percorramos a vida cristã, são exemplos de vida segundo o Evangelho que nós também devemos imitar”, reforçou o Arcebispo.

Como faz todas as semanas, o Cardeal respondeu a perguntas dos ouvintes e internautas sobre diversos assuntos relacionados à fé e à pastoral. Veja a íntegra do programa no Facebook da Arquidiocese de São Paulo.

(Colaborou: Flavio Rogério Lopes)

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Como denunciar as fake news e outras irregularidades nas Eleições 2020?

Em sites específicos e até pelas redes sociais é possível ajudar a combater a desinformação neste dia de eleições Neste dia de eleição, eleitores que...

Eleitores de 57 cidades voltam às urnas neste domingo em todo o país

Na capital paulista, a disputa será entre Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL). Votação acontece até às 17h

Projeto Janelas CASACOR: beleza, sustentabilidade e responsabilidade social

Vitrines estão espalhadas por 13 bairros de São Paulo, sendo quatro delas em comunidades, com uma exposição inclusiva, gratuita, segura

Papa exorta novos cardeais a permanecerem sempre no caminho do Senhor

O Papa Francisco presidiu neste sábado, 28, o Consistório Ordinário Público no qual foram criados 13 novos cardeais. A celebração aconteceu na Basílica de São...

Arquidiocese de São Paulo terá igreja jubilar pelos 200 anos de mártir coreano

No próximo domingo, 29, às 10h30, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, presidirá uma missa na matriz da Paróquia Pessoal Coreana...

Newsletter