Arcebispo Greco-Ortodoxo visita o Brasil e estreita diálogo com a Igreja Católica

Arcebispo Greco-Ortodoxo visita o Brasil e estreita diálogo com a Igreja Católica, Jornal O São Paulo
Foto: Arquidiocese Ortodoxa Grega de Buenos Aires e America do Sul

O Arcebispo Greco-Ortodoxo de Buenos Aires, Primaz e Exarca da América do Sul, Dom Iosif Borch, estará em São Paulo entre os dias 5 e 9 de dezembro. Esta viagem faz parte da programação de sua visita pastoral ao Brasil, iniciada no último dia 24, passando também por Santa Catarina e Rio de Janeiro.

Na terça-feira, 6, ele presidirá uma missa solene da festa de São Nicolau como a comunidade ortodoxa na Igreja Ortodoxa Grega de São Pedro, em São Paulo (Rua Bresser, 793, Brás), às 10h30.

Natural de Córdoba, Argentina, Dom Iosif é o 3º Arcebispo de Buenos Aires e da América do Sul. Esta Arquidiocese é uma circunscrição ligada ao Patriarcado Ecumênico de Constantinopla, atualmente em Istambul, na Turquia, tendo como líder o Patriarca Bartolomeu I. Com sede na capital Argentina, seu território também abrange Brasil, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai, Peru, Suriname, Guiana, Guiana Francesa e Uruguai.

LEIA TAMBÉM:
Por que existem as Igrejas Católica e Ortodoxa?

FRATERNIDADE

A primeira parada de sua visita foi em Florianópolis (SC), onde vive a mais antiga colônia de gregos do Brasil. Na ocasião, durante as festividades de Santa Catarina de Alexandria, o líder ortodoxo foi recebido pelo Arcebispo de Florianópolis, Dom Wilson Tadeu Jönck, e visitou a Catedral de Florianópolis, levando consigo a relíquia da padroeira, muito venerada pelos ortodoxos.

No Rio de Janeiro, Dom Iosif se encontrou com o Arcebispo Metropolitano, Cardeal Orani João Tempesta, e celebrou a Divina Liturgia (missa), com outros clérigos ortodoxos, no Santuário do Cristo Redentor, no dia 30, festa do apóstolo Santo André, do qual, segundo a tradição, o Patriarca Ortodoxo de Constantinopla é sucessor.

Essa e a terceira visita pastoral de Dom Iosif ao Brasil desde que foi nomeado Arcebispo, em 2019. A primeira foi em novembro de 2021 e a segunda em março e abril passados, quando visitou as comunidades de Brasília (DF) e São Paulo. Na ocasião, realizou visitas fraternas aos arcebispos de Brasília, Cardeal Paulo Cezar Costa, e de São Paulo, Cardeal Odilo Pedro Scherer.

Arcebispo Greco-Ortodoxo visita o Brasil e estreita diálogo com a Igreja Católica, Jornal O São Paulo
Dom Iosif foi recebido pelo Cardeal Odilo Pedro Scherer, na Cúria Metropolitana, em abril (Foto: Arquidiocese Ortodoxa Grega de Buenos Aires e America do Sul)

GRECO-ORTODOXOS

No Brasil, a Igreja Greco-Ortodoxa está presente nas capitais das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, onde se concentram a maioria dos fiéis de origem grega. Em na Paróquia de São Paulo, além de atender pastoralmente os fiéis ortodoxos, desenvolve atividades culturais e educacionais com o objetivo de manter vivas a identidade e tradição do povo grego, como o ensino da língua Grega, cursos de canto bizantino, danças e gastronomia gregas.

Na capital paulista, possui estreito diálogo ecumênico com a Igreja Católica, integrando o Movimento de Fraternidade de Igrejas Cristãs (Mofic).

Arcebispo Greco-Ortodoxo visita o Brasil e estreita diálogo com a Igreja Católica, Jornal O São Paulo
Igreja Ortodoxa Grega de São Pedro, no Brás (Foto: Arquidiocese Ortodoxa Grega de Buenos Aires e America do Sul)

Deixe um comentário