Famílias em luto: 2.798 mortes por COVID-19 em 24 horas no Brasil

País tem novo recorde de óbitos em um dia. Média móvel também é a maior desde o início da pandemia

Foto: Governo do Estado de São Paulo/Arquivo

Dados do consórcio de veículos de imprensa, divulgados na noite desta terça-feira, 16, indicam um novo recorde de mortos por COVID-19 nas últimas 24 horas no Brasil: 2.798 pessoas perderam a vida por complicações decorrentes desta doença. Além disso, 84.124 casos foram confirmados.

Desde o começo da pandemia, 282,4 mil pessoas morreram por COVID-19 no Brasil. Com óbitos de hoje, a média móvel dos últimos sete dias também é recorde: 1.976 óbitos.

Em comparação aos 14 dias anteriores, a alta é de 48%, o que mostra a gravidade do avanço da doença no país, uma vez que infectologistas consideram o percentual de 15% neste intervalo de tempo como o limite de que o número de casos esteja em estabilidade.

Há 55 dias seguidos, o Brasil registra média móvel de óbitos superior a mil óbitos diários e pelo nono dia a marca é acima de 1,5 mil mortes.

Recordes de mortes em SP

Nas últimas 24 horas, o estado de São Paulo registrou 679 mortes por COVID-19 e bateu o recorde anterior, que havia sido alcançando na sexta-feira, 12, com 521 mortes.

Ao todo, São Paulo soma agora 64.902 mortes provocadas pelo novo coronavírus e mais de 2,2 milhões de casos confirmados.

Há três semanas, o estado vem batendo também o recorde no número de pessoas internadas.

O número de novos casos contabilizados nas últimas 24 horas também é o mais alto do ano: 17.684.

Fontes: Agência Brasil e G1

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter