São Paulo e outras 4 capitais suspendem temporariamente a vacinação contra a COVID-19

Na quarta serão vacinadas na capital paulista pessoas com 49 anos         

Agência Brasil

A prefeitura da capital paulista informou na noite da segunda-feira, 21, que não haverá vacinação na cidade de São Paulo contra a COVID-19 nesta terça-feira, 22. De acordo com a administração municipal, a alteração do cronograma de vacinação ocorreu “diante da grande adesão dos paulistanos à vacinação”.

No final da tarde da segunda-feira, centenas de postos de saúde da cidade estavam sem vacina para imunizar a população. A programação inicial da prefeitura previa que, até o fim da terça-feira, haveria uma repescagem da aplicação de vacina para pessoas de 50 a 59 anos que ainda não tivessem se vacinado. De acordo com a prefeitura, metade da população maior de 18 anos da capital já está imunizada.

Além de São Paulo, a vacinação está suspensa em quatro capitais: Florianópolis, Aracaju, Campo Grande e João Pessoa, também em razão da falta de doses para continuar a vacinação por faixas etárias. A vacinação para quem precisa tomar a 2a dose está mantida.

Ritmo de vacinação

De acordo com levantamentos de veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde, até às 20h da segunda-feira, 21, um total de 64.436.634 pessoas já receberam a 1a dose da vacina contra a COVID-19, o que representa 30,43% da população brasileira

Já a 2a dose foi aplicada em 24.390.876 pessoas (11,52% da população), num total de mais de 88.827.510 pessoas em todos os estados e no Distrito Federal.

A imunização em São Paulo

Até às 20h da segunda-feira, 20, um total de 16.053.402 pessoas já tinham recebido a 1a dose da vacina contra a COVID-19 no estado de São Paulo. Já a 2a dose foi aplicada em 6.025.470 milhões de pessoas no território paulista.

Na quarta-feira, 23, será retomada a vacinação para as pessoas com 49 anos. A prefeitura recomenda que os munícipes façam o pré-cadastro no site Vacina Já para agilizar em até 90% o tempo de atendimento para a imunização e que evitem aglomeração. Para verificar o melhor momento de ir a um posto, os cidadãos podem consultar a página De Olho na Fila , que mostra em tempo real o movimento em cada local de vacinação da capital.

A vacinação também será retomada para os grupos com as seguintes comorbidades:

– Insuficiência cardíaca
– Cor-pulmonale e hipertensão pulmon
– Cardiopatia hipertensiva
– Síndrome coronariana
– Valvopatias
– Miocardiopatias e pericardiopatias
– Doença da aorta, dos grandes vasos e fístolas arteriovenosas
– Arritmias cardíacas
– Cardiopatias congênitas no adulto
– Próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados
– Diabete mellitus
– Pneumopatias crônicas graves
– Hipertensão arterial resistente
– Hipertensão arterial estágio 3
– Hipertensão estágios 1 e 2 com lesão de órgãos alvos
– Doença cerebrovascular
– Doença renal crônica
– Imunossuprimidos
– Anemia falciforme
– Obesidade mórbida’

(Com informações de Prefeitura de SP) 

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter