Da gruta de Belém, nossa única esperança!

"Fortaleçam as mãos cansadas; firmem os joelhos cambaleantes; digam aos corações desanimados: ‘Sejam fortes! Não tenham medo! Vejam o vosso Deus: Ele mesmo vem para vos salvar’” (Is 35,3-4). Com os versículos do profeta Isaías, convido os irmãos e irmãs a um tempo de meditação sobre a chegada do filho de Deus. Ele veio para reatar a aliança entre o Criador e a criatura, entre Deus e seu povo eleito. Sabemos que muitos profetas se sucederam falando do Messias que iria chegar. O Messias esperado traria consigo uma mensagem de paz, altruísmo, justiça e liberdade. E, quando chegou a plenitude dos tempos, Jesus tomou um corpo como o nosso, gerado no seio puríssimo de Nossa Senhora. E nós vimos a sua glória!

Que ninguém possa dizer que Jesus veio para os seus, mas os seus não O receberam! “Que a família celebre a partilha do abraço e do pão”, cantou o Padre Zezinho. Olhemos para o horizonte: é Natal outra vez! Yom Kadosh! Quanta alegria podermos celebrar mais um Natal! Olhemos para além das trevas! Um novo ano se avizinha! Que o Menino Deus da manjedoura traga, a todas as famílias, a paz e a concórdia!

Feliz Natal!

Deixe um comentário