Confira nossa versão impressa

A alegria da santidade na missão de ser Igreja

No dia da Solenidade de São José, 19 de março de 2018, o Papa Francisco publicou a Exortação Apostólica Gaudete et Exsultat (Alegrai-vos e exultai – Mt 5,12), sobre a chamada à santidade no mundo atual. Francisco afirma que a universal vocação à santidade procura encarnar no contexto atual, com os seus desafios e oportunidades, uma forma de existência que deixa de lado uma vida superficial e indecisa. Na verdade, somos convidados a reconhecer-nos circundados por tantas testemunhas do Evangelho que nos estimulam a continuar a correr para a meta de uma plena humanidade, pois quanto mais colocamos em prática o Batismo e quanto mais santos somos, tanto mais humanos seremos.


A santidade não é fruto de uma espiritualidade individualista, mas aprouve a Deus salvar e santificar os homens não individualmente, mas formando um povo que O conhecesse na verdade e O servisse santamente (Lumen Gentium, LG 9). A fé cristã desenvolve-se na vida em comunidade, sempre com a Igreja, e a santidade é a originalidade da própria Igreja. Contudo, mesmo fora da Igreja Católica e em áreas muito diferentes, o Espírito suscita sinais da sua presença, que ajuda a própria Igreja a encontrar os caminhos para viver a santidade no mundo. Na verdade, somos todos chamados à santidade, vivendo com amor e oferecendo o próprio testemunho nas ocupações de cada dia.


Cada santo é uma missão, é um projeto do Pai, que visa a refletir e encarnar no presente um aspecto do Evangelho. No fundo, a santidade é viver, em união com o Senhor, os mistérios da sua vida, e consiste em associar-se de uma maneira única e pessoal à morte e ressurreição de Jesus Cristo, ou seja, morrer e ressuscitar continuamente com Ele para que a vida do Senhor seja vivida em nós, os batizados. Assim, cada santo é uma mensagem que o Espírito Santo extrai da inesgotável pessoa de Jesus Cristo e oferece essa mesma mensagem, o santo, ao povo de Deus. Esse estilo de vida na santidade se dá no contexto da comunidade que implica aceitação e disponibilidade para uma missão como um exercício responsável e generoso.


Daqui nasce uma questão: porventura, o Espírito Santo nos envia como Igreja, como povo de Deus, para cumprir uma missão e, ao mesmo tempo, pede-nos que fujamos dela ou que evitemos nos doar totalmente para preservarmos a paz interior? Obviamente que não.  Para o cristão, a oração torna-se ação; entretanto, isso não implica menosprezar o silêncio diante de Deus, a liturgia e os encontros formativos, mas tudo recebe significado a partir de uma santidade que é missão. Não temos uma missão nesta vida, mas a vida é uma missão.


Na verdade, o cristão, quanto mais se santifica, tanto mais fecundo se torna para o mundo, pois a santidade não nos torna menos humanos, mas eleva nossa humanidade e nossa fragilidade ao encontro com a graça de Deus. Assim, a santidade não é fruto de um esforço sobre-humano, mas um encontro com a misericórdia, um encontro com o Senhor que “nos amou primeiro” (1Jo 4,19). 

Colunas relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Retirar-se para ouvir a voz de Deus

O SÃO PAULO apresenta indicações para quem deseja realizar um retiro espiritual de maneira solitária e pessoal

Marcha pela Vida 2020: a mulher e o bebê têm igual direito de viver

Não foi como nos anos anteriores, com centenas de pessoas nas ruas, mas a Marcha pela Vida...

São João Paulo II: um Santo e poeta da Igreja

Dando sequência a série especial que rememora santos poetas da Igreja ao longo da história, O SÃO...

Polônia inaugura mural gigante de São João Paulo II no ano do centenário

Uma cidade polonesa inaugurou um mural gigante de São João Paulo II, em homenagem ao centenário de...

Declaração do Papa sobre homossexuais foi editada com fragmentos de entrevista de 2019

Cineasta utilizou trechos retirados do contexto original de uma entrevista do ano passado para compor afirmação do Pontífice a respeito das uniões...

Newsletter