Confira nossa versão impressa

Dom Odilo: ‘Quem pensa diferente não é meu inimigo, podemos somar juntos’

O Arcebispo Metropolitano lembrou o atual momento conturbado, em que as pessoas têm perdido o controle de suas ações e utilizado as mídias digitais

Dom Odilo: ‘Quem pensa diferente não é meu inimigo, podemos somar juntos’

Utilizar as redes sociais de forma positiva, buscando sempre o diálogo e a paz, foi o convite do Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, a todos os que acompanharam no domingo, 14, o programa “Diálogos de Fé”, transmitido ao vivo por meio de sua página oficial no Facebook e pela rádio 9 de Julho (AM 1.600 kHz).

O Arcebispo Metropolitano lembrou o atual momento conturbado, em que as pessoas têm perdido o controle de suas ações e utilizado as mídias digitais para espalhar notícias falsas, calúnias, xingamentos e outras condutas ruins.

“Nossa atitude, como diz o apóstolo São Paulo, deve ser a de buscar o diálogo, a comunhão, a compreensão e, eventualmente, se for preciso, a correção, mas de forma respeitosa, para assim buscar colaborar. Quem pensa diferente não é meu inimigo, podemos somar juntos. Quem tem uma visão diferente pode complementar a minha opinião e eu posso completar a opinião dele”, observou.

CUIDEMOS UNS DOS OUTROS

O Cardeal lembrou que a pandemia do novo coronavírus não está controlada, ainda não há uma vacina ou medicação e, portanto, todos devem continuar seguindo as orientações das autoridades de saúde. Ele lamentou que o número de mortos e infectados continue aumentando a cada dia e que a doença esteja se espalhando pelo Brasil, chegando a lugares que antes estavam preservados, como o interior das cidades.

“É preciso continuar cuidando da saúde e não se expor, para não expor os outros, pois quem sai de casa e não se cuida pode trazer para dentro de sua família o vírus e, assim, contagiar pessoas de dentro de casa e outras de sua convivência, devido a uma maneira irresponsável de agir”, continuou.

RETORNO DAS MISSAS COM O POVO

Muitos internautas perguntaram quando será o retorno das missas com a presença do povo, pois em alguns estados esse retorno está sendo gradual, porém, aqui em São Paulo, a situação do vírus ainda não está controlada. O Cardeal recordou que as igrejas não foram proibidas de abrir, e as pessoas podem rezar e fazer seus momentos de adoração, sendo que o que deve ser evitado são as aglomerações.

Muitas igrejas estão celebrando com poucas pessoas, dentro daquelas limitações de espaço e distanciamento social, além da utilização de álcool em gel na entrada, máscara durante a missa e desinfecção dos bancos. Portanto, cuidem da saúde, sobretudo as pessoas que estão no grupo de risco, que tenham baixa imunidade, problemas respiratórios – mesmo que sejam jovens – e as pessoas idosas. Permaneçam em casa para que possam participar quando se abrirem as possibilidades.”

Após essas reflexões, Dom Odilo respondeu a perguntas enviadas pelos internautas.  A íntegra da live pode ser acessada neste link.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Novo documento do Vaticano ressalta o compromisso dos bispos pela unidade dos cristãos

“O Bispo e a unidade dos Cristãos: vademecum ecumênico” é o título do novo documento publicado pelo Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade...

Dom Jorge Pierozan conclui visitas pastorais na Região Santana

O Bispo celebrou na Paróquia Santa Joana D’Arc, no  Setor Pastoral Tremembé No domingo, 29 de novembro, Dom Jorge Pierozan, Bispo Auxiliar de São Paulo...

Paróquia Nossa Senhora das Graças realiza festa da padroeira na Brasilândia

As festividades foram encerradas com uma procissão luminosa e missa solene Com o tema “Maria, mãe da consolação e de todas as graças”, foi celebrada...

Governo cria Comitê Interministerial de Doenças Raras

Decreto está publicado hoje no Diário Oficial da União O governo federal criou o Comitê Interministerial de Doenças Raras, que funcionará no âmbito do Ministério...

Primeira pregação do Advento, Catalamessa: “irmã morte é fonte de vida eterna”

Nesta primeira sexta-feira do Advento, 4, iniciaram as meditações do pregador da Casa Pontifícia Raniero Cantalamessa, criado cardeal pelo Papa Francisco no Consistório de...

Newsletter