Morre o Monsenhor Jonas Abib, fundador da Canção Nova

Sacerdote tinha 85 anos de idade, e morreu em sua residência, na cidade de Cachoeira Paulista (SP)

Morre o Monsenhor Jonas Abib, fundador da Canção Nova, Jornal O São Paulo
Foto: Canção Nova

Na noite da segunda-feira, 12, Solenidade de Nossa Senhora de Guadalupe, a Comunidade Canção Nova comunicou o falecimento de seu Fundador, o Monsenhor Jonas Abib.

O Sacerdote, de 85 anos de idade, havia comemorado 58 anos de sacerdócio e recebido alta hospitalar na quinta-feira, 8. Ele faleceu em sua casa, em Cachoeira Paulista (SP).

O Monsenhor estava se tratando de um mieloma desde maio de 2021, e teve complicações após passar por uma jejunostomia em um hospital da capital paulista, onde estava internado desde o final de outubro.  A cirurgia visava controlar os frequentes episódios de pneumonia, provocados por   broncoaspiração.

Além da Comunidade Canção Nova, Monsenhor Jonas Abib era também o presidente da Fundação João Paulo II, mantenedora do Sistema Canção Nova de Comunicação e Reitor do Santuário do Pai das Misericórdias em Cachoeira Paulista (SP).

VELÓRIO

O Velório do Monsenhor Jonas Abib acontece em Cachoeira Paulista (SP), desde a madrugada da terça-feira, 13, e prosseguirá até a quarta-feira, 14, no Centro de Evangelização Dom João Hipólito de Moraes.

Já na quinta-feira, 15, haverá o translado do corpo para o Santuário do Pai das Misericórdias, onde haverá a Santa Missa, às 7h, e logo após, a Quinta-Feira de Adoração. A última missa de corpo presente será às 15h, após a qual ocorrerá o sepultamento.

NOTA DE PESAR DO BISPO DE LORENA

“Fiz-me tudo para todos!” (1Cor 9,22)

​Momento de dor e consternação ao comunicarmos o falecimento do Monsenhor Jonas Abib.

O Monsenhor Jonas, pai e fundador da Comunidade Canção Nova, sacerdote ordenado no dia 8 dezembro de 1964, que a partir de uma experiência de oração, já no início de sua Vida Religiosa, encontra nas palavras de Dom Antonio Afonso de Miranda, à época Bispo Diocesano de Lorena, o desafio para a tarefa – colocar em prática a Exortação Apostólica Evangelii Nuntiandi: “é hora de evangelizar, comece no seu trabalho com os jovens. Faça alguma coisa!”. Muitos empreendimentos… os encontros no período do carnaval – os rebanhões – a evangelização pelos meios de comunicação, o Rádio, a TV e hoje o Sistema Canção Nova de Comunicação
.

​Em Cachoeira Paulista, a Comunidade Canção Nova, “pedacinho do céu”, se firma como grande trabalho e polo irradiador do Evangelho, obtendo o Reconhecimento Pontifício em 2008: Associação Internacional Privada de Fiéis.

A Igreja Particular de Lorena, enlutada, mas grandemente agradecida pelo contributo do Monsenhor Jonas Abib, reza pelo seu descanso junto daqueles que estão “de pé diante do Trono do Cordeiro”, e suplica ao Pai das Misericórdias que conforte e dê serenidade aos familiares, aos filhos espirituais, aos amigos, nessa hora de dor e separação, sustentados pela fé na certeza da Ressurreição!

Como se canta no hino de Compromisso: “Não dá mais pra voltar…, o barco está em alto mar!”

O legado deixado pelo Monsenhor Jonas seja corajosamente levado adiante por aqueles que de modo mais próximo o acompanharam, bem como o número grandioso de colaboradores que mantém esta obra que tanto bem tem feito à Igreja, inspirados no seu lema para a vida sacerdotal.

​A Mãe da Piedade, que traz o Filho sem vida nos braços, nos aconchegue a todos no seu colo materno!

Dom Joaquim Wladimir Lopes Dias
Bispo Diocesano de Lorena

14 comentários em “Morre o Monsenhor Jonas Abib, fundador da Canção Nova”

  1. Nunca o conheci pessoalmente mas influenciou muito minha vida espiritual. Como revendedora Porta a Porta, sei o enorme bem que suas obras fizeram e continuam fazendo na vida de muitas pessoas. Ganhamos mais um grande intercessor no Céu! Que Deus conforte toda a Comunidade Canção Nova 🙏

    Responder
  2. Pe. Jonas Abib obrigado por tudo que o Senhor fez como missionário evangelizador. O Apóstolo Paulo disse ” aí de mim se não evangelizar. Assim o Sr.fez.

    Responder

Deixe um comentário