Em telefonema, Papa se solidariza com vítimas de ataques em Cabo Delgado (Moçambique)

Dom Luiz Fernando, em audiência com o Papa Francisco, no Vaticano (Foto: Arquivo/Vatican Media)

O Papa Francisco telefonou para o Bispo de Pemba, em Moçambique, Dom Luiz Fernando Lisboa, nesta quarta-feira, 19. O Santo Padre manifestou proximidade com a população da Província de Cabo Delgado, que tem sofrido ataques de extremistas ligados ao grupo terrorista Estado Islâmico.

Em comunicado enviado a toda a diocese, Dom Luiz Fernando informou que o Pontífice expressou sua preocupação e afirmou que está rezando por todo o povo da região, que tem sofrido com ataques de extremistas desde 2017.

“Agradeci muito a ele por esse gesto e por ter mencionado a crise humanitária que vive a Província de Cabo Delgado durante a bênção Urbi et Orbi que ele pronunciou no dia da Páscoa, em 12 de abril. Eu disse a ele que depois de sua menção a Cabo Delgado, houve muito mais interesse por parte de todos (países, dioceses de várias partes do mundo, congregações religiosas, organizações internacionais, individualidades) tanto de dentro como de fora de Moçambique e que, a partir daí, Cabo Delgado voltou para o mapa porque parecia que já não estava”, destacou o Bispo.

LEIA TAMBÉM:
Terrorismo avança na Província de Cabo Delgado, em Moçambique

Em Moçambique, Bispo de Pemba faz apelo à oração e a solidariedade

ORAÇÕES E APOIO

Dom Luiz Fernando informou o Papa sobre a difícil situação no povoado de Mocímboa da Praia que, neste momento, está tomado pelos insurgentes e que duas religiosas da Congregação de São José de Chamberry que lá trabalham estão sem contato com a Diocese há uma semana. Francisco expressou tristeza e garantiu suas orações por essa intenção.

“O Santo Padre afirmou que lembrava muito bem da sua visita a Moçambique em 2019 e que, já naquela altura, preocupava-se com Cabo Delgado. Ele pediu que, aquilo que precisarmos, poderemos encaminhar ao Cardeal [Michael] Czerny, [Subsecretário da Seção Migrantes e Refugiados] do Dicastério para o Desenvolvimento Humano e Integral”.

O Bispo reiterou sua proximidade e orações pelo Pontífice. “Por fim, ele [o Papa] disse que está conosco e nos encorajou: ‘Adelante!’ Que significa ‘Avante! Continuem!’ Para encerrar a nossa conversa, enviou a sua bênção apostólica a todo o povo de Cabo Delgado e de Moçambique”, concluiu Dom Luiz Fernando.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter