No Chile, dioceses permitem que templos sejam postos de vacinação contra a COVID-19

Diferentes dioceses no Chile, como as de Rancagua, Osorno, Chillán e Concepción têm permitido que seus templos se tornem postos de vacinação contra a COVID-19.

Foto: Conferência Episcopal Chilena

A ação é parte do compromisso da Igreja de auxiliar no combate à pandemia de COVID-19, como manifestaram os bispos da Conferência Episcopal Chilena em mensagem por ocasião do início da Quaresma.

“A possibilidade de acesso a uma das vacinas contra COVID-19 é apontada como uma janela de esperança para iniciar o processo de superação desta grave pandemia, portanto, convidamos  todos a irem de forma responsável e solidária – de acordo com os planos da autoridade sanitária – a um posto de vacinação para ser inoculado, porque não há motivos fundados para se suspeitar que as vacinas sejam prejudiciais ou que seu uso poderia ser objeto de censura moral”, consta em um dos trechos da mensagem.

A Diocese de Osorno, por exemplo, permitiu que a vacinação ocorra na catedral e em outros templos. O Bispo, Dom Jorge Concha, ressaltou que todos devem apoiar as vacinas contra a COVID-19, “porque se trata de promover a saúde, a vida, e isso é um bem para todos”.

O prefeito de Osorno manifestou gratidão à Igreja local pela disponibilização dos templos para que sejam postos de vacinação: “A colaboração que isto significa para o município, tendo um espaço como este, é maravilhosa. Portanto, em nome da comunidade de Osornina, quero agradecer ao Bispo de Osorno por ter cedido a Catedral para este uso, para que possamos servir aqui as pessoas que mais precisam”.

Na Diocese de Chillán, o Padre Gonzalo Gómez manifestou sua alegria “por poder contribuir para esta importante campanha para nosso país. As pessoas receberam muito bem esta disponibilidade que a paróquia demonstrou para abrir as suas portas. Os comentários que recebemos nas redes sociais têm sido positivos e gratos, principalmente para os idosos que não tiveram que se mudar para outros lugares. Para nós, é uma alegria poder contribuir com esta campanha desta forma. Não vamos ser a grande solução, mas a pequena contribuição que podemos dar contribui para a solução e, por isso, convocamos as pessoas a conhecerem esta vacinação, para que possamos todos ser imunizados contra esta pandemia”.

Na Arquidiocese de Concepción, o Padre Héctor Osório, enaltece a postura do Papa Francisco de defender a vacinação em âmbito global e relata: “estamos encantados em poder abrir as portas de nossa paróquia para oferecer um serviço à comunidade. A vacinação ajuda a prevenir e a cuidar uns dos outros”.

Fontes: Celam e Conferência Episcopal do Chile

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter