Arcebispo de Manaus faz apelo por oxigênio para pacientes com COVID-19

‘Pelo amor de Deus, nos enviem oxigênio’, pediu Dom Leonardo Steiner em vídeo divulgado nesta sexta-feira, 15

Arcebispo de Manaus faz apelo por oxigênio para pacientes com COVID-19
Foto: Facebook da Arquidiocese de Manaus

Diante do caos no sistema de saúde do Amazonas em razão do avanço dos casos de COVID-19 e de mortes de pessoas em leitos de UTI na quinta-feira, 14, por falta de oxigênio em respiradores, o Arcebispo de Manaus, Dom Leonardo Steiner, gravou um vídeo nesta sexta-feira, 15, pedindo ajuda para os pacientes internados com o novo coronavírus.

“Na primeira onda da COVID-19, as pessoas morriam por falta de informação, por falta de leitos nos hospitais, por falta de leitos nas UTIs do Amazonas e de Roraima. Hoje, na segunda onda, as pessoas vêm a óbito por falta de leitos nos hospitais, por falta de leitos nas UTIs e, por incrível que pareça, por falta de oxigênio. Mesmo para as que estão internadas, falta oxigênio”, afirmou.

“Nós bispos do Amazonas e de Roraima, fazemos um apelo: ‘pelo amor de Deus, nos enviem oxigênio’”, afirmou com a voz embargada. “Providenciem oxigênio. As pessoas não podem continuar a morrer por falta de oxigênio e por falta de leitos nas UTIs”, prosseguiu.

Entre os dias 1o e 12 deste mês, foram internados 2.128 pessoas nos hospitais de Manaus. Em uma semana, o número de óbitos por COVID-19 saltou 183%. Os cemitérios estão lotados e corpos estão sendo mantidos em câmaras frigoríficas até o sepultamento.

“Vamos deixar de lado as agressões, os negacionismos, vamos deixar de lado a política que divide, que corrompe. Vamos deixar de lado os lucros em cima da pandemia”, também afirmou Dom Leonardo.

O Bispo, que foi secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) entre 2011 e 2019, fez um apelo em nome dos bispos do Regional Norte 1, que compreende as dioceses dos estados do Amazonas e de Roraima:

“Que coloquemos a serviço de todos a nossa humanidade melhor e que coloquemos a serviço de todos as nossas forças espirituais. Que cuidemos do distanciamento, usemos máscara e não descuidemos da saúde. Nós estamos em um momento difícil, estamos em um momento de pandemia, quase sem saída. Que todos nós possamos dar a nossa contribuição e nos engajar solidariamente no cuidado da vida de todas as pessoas”.

Em 5 de janeiro, a Arquidiocese de Manaus anunciou a suspenção atividades presenciais por 15 dias em virtude do aumento de casos de COVID-19. A previsão inicial é que as atividades presenciais sejam retomadas no dia 22.

Nesta sexta-feira, 15, aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) começaram a transportar pacientes para hospitais nos estados do Ceará, Goiás, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Distrito Federal. Ao todo, serão transferidas, inicialmente, 235 pessoas.

(Com informações da CNBB, Arquidiocese de Manaus e G1)

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter