Dom Odilo: ‘A alegria de Deus é estar conosco’

Dom Odilo: ‘A alegria de Deus é estar conosco’
(Foto: Bruno Melo)

Durante a missa desta segunda-feira, 21, na 4ª semana do Advento, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, ressaltou que o Natal é a festa do encontro de Deus com a humanidade por meio de Jesus, expressão do seu amor infinito por todos os seus filhos.

A Eucaristia foi celebrada na capela da residência arquiepiscopal, transmitida pela rádio 9 de Julho e pelas mídias digitais da Arquidiocese.

O amado

A primeira leitura do dia é extraída do livro do Cântico dos Cânticos é um texto que trata de duas pessoas que se amam e cantam o amor um pelo outro. O trecho proclamado fala do desejo do amado em encontrar sua amada, convidando-a a sair pelos montes e colinas.

“Esse texto sempre foi interpretado como um texto sapiencial, como um poema, que por meio da linguagem do amor humano, descreve o amor de Deus pela humanidade”, explicou o Dom Odilo, na homilia, acrescentando que, na Teologia espiritual, esse livro é sempre tido como um texto privilegiado da mística, das pessoas que buscam a Deus e se deixam encontrar por ele.

O Cardeal observou que esse texto é proclamado no mesmo dia em que trecho do Evangelho narra a visita de Maria a Isabel. Assim como o amado salta pelos montes e colinas ao encontro da amada, Maria vai, às pressas, pelas montanhas de Judá para visitar sua prima e, quando chega, o texto descreve a alegria do encontro das duas mães e das duas crianças ainda não nascidas.

Emanuel

“Realiza-se aquilo que é descrito no Cântico dos Cânticos: o amado, Jesus, se encontra a humanidade, na pessoa de João Batista”, ressaltou o Arcebispo, recordando a antífona da missa do dia: “Eis que chega o Senhor dos senhores: seu nome será Emanuel, o ‘Deus conosco’”.

“A alegria de Deus é estar conosco, com os filhos dos homens, e, estando conosco, enche-nos de alegria, de vida e de esperança, dá a oportunidade de completar o anseio do coração humano, que busca o amor, amar e ser amado”, afirmou Dom Odilo.

Por fim, o Cardeal ressaltou que, no Natal, celebra-se o encontro do amado com a humanidade. “Deus tanto amor o mundo que lhe entregou seu filho único, para que todo aquele que nele crer não pereça, mas tenha por meio dele a vida. Jesus, portanto, é a expressão desse amor infinito e eterno de Deus por nós”, concluiu.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter