Diácono permanente tem aprovação em mestrado sobre a manifestação messiânica de Jesus

Dissertação foi apresentada à Faculdade de Teologia da PUC-SP, no dia 16, pelo Diácono Moisés Silva

Arquivo pessoal

“A manifestação messiânica de Jesus no Sábado: um estudo bíblico-teológico de Lc 4,16-21” foi o tema da dissertação de mestrado do Diácono Permanente Moisés Silva, da Arquidiocese de São Paulo, apresentada à Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, da PUC-SP, na quarta-feira, 16, por videoconferência pela plataforma Teams.

Compuseram a banca examinadora o Dr. Padre Boris Agustín Nef Ulloa, presidente da banca e orientador; o Dr. Padre Donizete Luiz Ribeiro, professor convidado; e o Dr. Matthias Grenzer, professor da Faculdade de Teologia da PUC-SP.

Abordagem

Como pano de fundo, a dissertação enfatizou o dia de Sábado como locus theologicus, e a sinagoga como local litúrgico.

“Jesus como figura central, tomou o rolo do profeta Isaías e proclamou, conforme o autor sagrado do evangelho segundo Lucas, seu conteúdo programático de vida: anunciar a Boa-Nova aos pobres, a libertação dos presos, a recuperação da visão àqueles que estão cegos e a libertação dos cativos aos que se encontram sob o domínio do mal. A partir daí, Jesus, ao mencionar Isaías, proclama a chegada do tempo favorável ou tempo da graçao tempo messiânico”, explica o Diácono.

Ao falar sobre a titulação, o Diácono Moisés Silva disse esperar que ela incentive os demais diáconos permanentes da Arquidiocese a “mergulhar um pouco mais nesse oceano chamado estudo, em qualquer área, pois a Teologia sempre nos leva a conhecer melhor a Jesus Cristo!”.

Diácono Moisés apresenta dissertação à banca examinadora

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter