Dom Odilo: a Quaresma é tempo de buscar a Deus com mais intensidade

O Arcebispo de São Paulo explicou, à luz da Igreja, as práticas recomendadas neste período de preparação para a Páscoa

Dom Odilo: a Quaresma é tempo de buscar a Deus com mais intensidade
Luciney Martins /O SÃO PAULO

Na Quarta-feira de Cinzas, 2, no programa “Encontro com o Pastor”, da rádio 9 de Julho, o Cardeal Odilo Pedro Scherer falou sobre os três pilares da vivência quaresmal indicados pela Igreja: jejum, esmola e oração.

O Arcebispo de São Paulo retomou a importância do tempo quaresmal no preparo da Páscoa. Neste período, são propostos exercícios que ajudam a refletir sobre como está a relação com Deus. Deve-se ainda fazer uma boa revisão de vida a partir da escuta da Palavra de Deus, da oração mais intensa e a partir da prática da caridade por meio das obras de misericórdia.

Ele relembrou que para ajudar os fiéis a viverem bem esse tempo de reflexão, a Igreja recomenda três tipos de exercícios: jejum esmola e oração.

O jejum diz respeito a toda forma de penitência corporal e tem objetivo de dominar os impulsos que existem em todo ser humano e que, às vezes, levam a fazer o que não é bom. Dom Odilo lembrou que o jejum não é um castigo, mas um ato de amor a Deus, sempre acompanhado da caridade.

Esmola é caridade, ou seja, todo gesto de ajuda ao próximo, sensibilidade ativa, por meio das obras de misericórdia. Isto é abrir a mão para dar ao pobre, ao necessitado, partilhar do que nós com os outros.

Já a oração é o meio pelo qual se entende a vontade de Deus. Por isso, é preciso aprimorar o modo de rezar. E “não para ser vistos, para nos gloriar, não rezar para impor alguma coisa Deus, mas com sincera fé, humildade, sinceridade e com respeito e confiança em Deus, que é nosso Pai, que sabe o que é bom para nós”.

O Cardeal também aconselhou que durante a Quaresma os fiéis procurem a Deus com mais intensidade por meio da leitura da Palavra de Deus, da oração e participação nas missas.

OUÇA A ÍNTEGRA DO PROGRAMA “ENCONTRO COM O PASTOR”

Deixe um comentário