Dom Odilo enaltece o testemunho da vida monástica na Igreja

Arcebispo Metropolitano falou sobre o tema no programa ‘Encontro com o Pastor’, da rádio 9 de Julho

Dom Odilo enaltece o testemunho da vida monástica na Igreja, Jornal O São Paulo
Foto: Luciney Martins /O SÃO PAULO

O Cardeal Odilo Pedro Scherer falou sobre a importância da vida monástica para a Igreja, na segunda-feira, 14, no programa “Encontro com o Pastor”, da rádio 9 de Julho.

O assunto foi trazido no dia em que Igreja lembra São Cirilo e São Metódio, dois irmãos monges, que foram evangelizadores por volta dos anos 900, nos países de etnia eslava.

“São Cirilo e São Metódio foram apóstolos evangelizadores que levaram o Evangelho, a presença da Igreja e da cultura. Eles foram promotores da cultura”, observou Dom Odilo.

O Cardeal também comentou sobre a importância da vida monástica, observando que na época os monges eram fundamentais na Igreja e a partir dos mosteiros se irradiava a vida da Igreja e cultura.

Também comentou que foi São Cirilo o responsável por semear mosteiros por toda parte no mundo eslavo e São Metódio o bispo do território, para bem administrar e conduzir aquela região.

O Arcebispo exprimiu seu desejo de que na memória de São Cirilo e São Metódio os fiéis agradeçam a Deus pelo trabalho desses missionários evangelizadores, pais da Igreja no mundo eslavo e peçam que Ele ajude a fazer hoje o que eles fizeram no seu tempo, ou seja,  “fazer valer o testemunho cristão com fé, coragem, dedicação ligação e só assim que o Cristianismo realmente entra no mundo da cultura”.

Deixe um comentário