Fábricas de Cultura abrem mais de 8 mil vagas para cursos gratuitos

Com início em fevereiro, as formações ocorrem nas unidades localizadas nas zonas Norte e Sul, Região Metropolitana e Litoral Sul. Há atividades para todas as idades 

Fábricas de Cultura abrem mais de 8 mil vagas para cursos gratuitos, Jornal O São Paulo

No dia 3 de janeiro as Fábricas de Cultura – Programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo -, abrem as inscrições para mais de 400 cursos gratuitos com mais de 8 mil vagas disponíveis e distribuídas pelas unidades das zonas Norte e Sul de São Paulo, da Região Metropolitana (Osasco e Diadema), e de Iguape no Vale do Ribeira para crianças, jovens e adultos. Os cursos no formato de ateliês de criação têm duração semestral enquanto as trilhas duram de dois (curta duração) a quatro meses (longa duração). Ambos exploram diversas áreas artísticas, culturais e tecnológicas.

As aulas começam a partir de 14 de fevereiro, mas há formações programadas para iniciar entre março e maio. As inscrições ficam abertas por até 45 dias após o início dos cursos, desde que haja disponibilidade de vagas. Para se inscrever é necessário apresentar na unidade do curso de interesse os seguintes documentos: RG ou documento com foto do responsável (no caso de menores de idade); RG ou certidão de nascimento do aprendiz; e comprovante de residência atual. É possível realizar a pré-inscrição no site das Fábricas de Cultura, mas será necessário validá-la presencialmente.

Confira os destaques:

No Ateliê de TeatroProjeto Espetáculo os aprendizes passarão por todas as etapas de pesquisa e construção de uma obra artística em diversas linguagens como música, cinema, dança, circo e tecnologias. Voltado para jovens entre 12 e 21 anos, o curso terá aulas de terça à quinta, das 14h às 17h, a partir de 14 fevereiro na Fábrica de Cultura Brasilândia. Ao final da formação, que dura oito meses, os aprendizes apresentam uma produção desenvolvida a partir de uma temática orientadora. Outra opção na unidade é o Ateliê de Formação de Conjunto Musical, que ensinará aos aprendizes vários gêneros e ritmos musicais enquanto tocam em grupo instrumentos como violão, guitarra, baixo e bateria. A formação é indicada para maiores de 14 anos. As aulas são às quartas e sextas, das 14h às 16h45, e começam dia 15 de fevereiro.

Com início em 18 de fevereiro, e aulas aos sábados, a Fábrica de Cultura Jaçanã oferece duas formações diversas: na Trilha de Drone os aprendizes terão contato com o funcionamento deste equipamento, a legislação e o mercado de trabalho. Com aulas das 14h às 16h45, o curso é indicado para maiores de 15 anos. Também há espaço para as artes com a Trilha de Criação de História em Quadrinhos Digital que mostrará como os participantes podem desenvolver histórias originais utilizando a tecnologia digital para ilustração e finalização dos quadrinhos, além de abordar questões de mercado e representatividade. Indicada para maiores de 12 anos, as aulas vão das 10h às 12h.

A Zona Norte segue em destaque com a Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha. No Ateliê de Artes Visuais: Arte Têxtil, indicado para jovens a partir de 14 anos, será possível aprender técnicas de desenho, pintura, escultura, gravura, instalações e bordado. As aulas iniciam no dia 14 de fevereiro, sempre às terças e quintas, das 18h às 20h45. Já no dia 18 de março começa a Trilha de Introdução à Impressão 3D, voltada para maiores de 15 anos. Com aulas aos sábados, das 9h às 12h, a Trilha apresentará uma introdução em modelagem com o software ‘Tinkercad’ e a impressão de pequenas peças.

Pela Zona Sul, o audiovisual predomina na Fábrica de Cultura Capão Redondo com o Ateliê de Vídeo para Redes Sociais e Mini Documentários. Indicado para maiores de 14 anos, o curso mostrará como produzir curtas documentais e ficcionais por meio de aulas teóricas e práticas sobre criação de roteiros, captação e edição de vídeo, e divulgação nas redes sociais. Os encontros serão às terças e quintas, das 18h às 20h45, começando em 14 de fevereiro. No dia seguinte, 15, terá início o Ateliê de Dublagem, que ensinará técnicas de voz e sincronia labial utilizadas para dublar personagem de filmes, séries, animações e games. As aulas serão às quartas e sextas, das 14h às 16h45, e podem se inscrever maiores de 13 anos.

Já a Fábrica de Cultura Jardim São Luís oferece o Ateliê de Artes Circenses que tem como objetivo desenvolver a concentração e flexibilidade dos aprendizes através de vivências práticas como malabarismo, palhaçaria, acrobacias e equilíbrio. O curso é indicado para jovens entre 13 e 21 anos e terá aulas às terças e quintas, das 14h às 16h45. Outra opção é a Trilha de Cenários para Espetáculos que possibilitará o aprendizado de técnicas para a criação de ambientes interativos utilizando luz, imagem, vídeo, som e movimento que podem ser aplicados em ruas, no teatro e cinema e em vídeo clipes. Os encontros, que são voltados para maiores de 14 anos, serão às terças, das 18h às 21h. Ambas as formações começam em 14 de fevereiro.

Também há opções na Região Metropolitana de São Paulo!

Fábrica de Cultura Diadema irá unir literatura e artes visuais em sua grade de formação. No Ateliê de Literatura Periférica: Poesia e Letra de Música os participantes irão produzir textos autorais a partir das próprias vivências, memórias e tradições, de forma a compreender a importância da oralidade nas comunidades tradicionais negras e nordestinas. As aulas, que começam no dia 14 de fevereiro, serão ministradas às terças e quintas, das 18h45 às 21h30. Com a Trilha de Criação de Portfólio Artístico será possível aprender a como preparar um portfólio artístico de fotografia, desde a escolha do tema e objetos ao layout de apresentação. Os encontros serão às quintas, das 19h30 às 21h30, com início no dia 16 de fevereiro. Ambas as atividades são voltadas para jovens maiores de 14 anos.

Quem mora na região de Oz poderá aproveitar cursos de tecnologia e cultura na Fábrica de Cultura 4.0 de Osasco. O Ateliê de Percussão: Toques de Maracatu irá apresentar aos aprendizes o universo dos tambores que envolvem a cultura do maracatu de baque virado, manifestação tradicional da cidade de Recife, em Pernambuco, junto com a prática com Alfaias, Caixas, Gonguê, Timbal, Agbês e Mineiros. Os encontros começam no dia 15 de fevereiro, com aulas às quartas e sextas, das 14h às 16h45. A formação é direcionada para jovens entre 12 e 21 anos. Na área de tecnologia, a opção é a Trilha de Arcade Game que ensinará aos participantes a criarem a própria máquina de Fliperama utilizando processos da fabricação digital. A Trilha é indicada para maiores de 14 anos, e terá aulas às quartas e sextas, das 14h às 16h30, a partir de 18 de fevereiro.

Dança e música no litoral sul

Na Fábrica de Cultura 4.0 de Iguape diversão e aprendizado estão garantidos. A partir de 14 de fevereiro, às terças e quintas, das 14h às 16h45, o Ateliê de Hip Hop: Danças Urbanas e Grafitemostrará as crianças e jovens, entre 10 e 16 anos, técnicas de pintura sobre papel e muro, estêncil, grafite e lambe lambe, além de praticar formas de danças dos mais variados estilos da cultura Hip Hop. Já no dia 18 de fevereiro começa a Trilha de Construção e Toque de Berimbau, que será ministrada aos sábados das 14h às 15h45. A Trilha pretende ensinar a como construir o próprio berimbau e as técnicas para tocar o instrumento em grupo. O curso é indicado para maiores de 15 anos.

Os materiais necessários para as atividades presenciais, como instrumentos musicais, itens de papelaria e máquinas fotográficas, serão oferecidos para o uso na unidade gratuitamente. Também é disponibilizado lanche no intervalo das aulas. É permitido se inscrever em mais de um curso desde que os horários não coincidam entre si e, no caso de crianças e jovens em idade escolar, com os horários da escola. Os cursos têm vagas limitadas, variando entre 10 a 70 entre Trilhas e Ateliês. Todos os aprendizes que alcançarem mais de 50% de frequência receberão um certificado de participação.

Extra: Achou a grade legal e tem alguma proposta de formação que possa torná-la ainda mais interessante? O programa Fábricas de Cultura tem um Banco de Projetos com inscrições contínuas, por onde recebe propostas direcionadas a agenda de Trilhas de Curta e Longa Duração e Oficinas de Férias nas unidades gerenciadas pela Poiesis. Confira mais informações no edital disponível no site do programa.

SERVIÇO:

INSCRIÇÕES PARA TRILHAS E ATELIÊS | 1° SEMESTRE DE 2023
Início das inscrições: 3 de janeiro
Fim das inscrições: 45 dias após o início das aulas (caso haja vagas)
Início das formações: a partir de 14 de fevereiro
Pré-inscrição pelo site das Fábricas de Cultura
Inscrições nas unidades.
Faixa etária: dos 6 anos aos 60+
Gratuito | Presencial

——

Funcionamento das unidades:

De terça a sexta, das 9h às 19h.
Unidades Jardim São Luís, Vila Nova Cachoeirinha e Jaçanã: Finais de semana e feriados, das 12h às 17h.*
Unidades Brasilândia, Capão Redondo e Diadema: Aos sábados das 9h às 17h.*
Unidade Osasco: de terça a sexta das 9h às 18h.

*Para conferir o horário exato de sua unidade, favor entrar em contato por telefone com a recepção.

Fonte: Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

1 comentário em “Fábricas de Cultura abrem mais de 8 mil vagas para cursos gratuitos”

  1. Ola:Achei genial a maioria dos cursos.Sao muito distantes.Notei que mas nao ha nenhum de ceramica.Se tivesse gostaria de fazer o curso.Seria interessante em algum outro bairro,perto de Perdizes.

    Responder

Deixe um comentário