Fábricas de Cultura oferecem oficinas de férias pelo YouTube

Oficinas de desenho, vídeo, stop motion e confecção de instrumentos integram a programação

Fábricas de Cultura

As Fábricas de Cultura, equipamentos da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo e gerenciados pela Poiesis, disponibilizam atividades criativas para o mês de férias. Gratuita, a programação de julho oferece 144 atividades pelo canal do YouTube das Fábricas de Cultura.

No dia 13 de julho, terça-feira, às 10h, o educador Laerte Rodrigues convida artistas para aprenderem a se autogerir e a organizar melhor as ações de seu planejamento, desde orçamentos domésticos aos profissionais, além de ter resultados com a precificação, horas trabalhadas e metas alcançadas para nutrir suas necessidades e alcançar seus objetivos. Às 12h, Cris Glass ensina o público a fazer pipas coloridas. Basta ter vareta de bambu, linha, cola e papel de seda.

Para criar um projetor de papelão que possibilite projetar desenhos na parede, os participantes devem estar on-line às 10h do dia 15 de julho, quinta-feira. No mesmo dia, às 14h, o educador Alex Moletta disponibiliza dicas, técnica de gravação e os cuidados necessários para gravar vídeos utilizando um celular. Já às 16h, a oficina propõe ensinar técnicas de adaptação de histórias para contação, criação simples de roteiro, personagens e utilização de aplicativos de celular para gravar e editar seu desenho (draw my life). Além dos materiais para desenho, é necessário ter um celular ou câmera para filmar o processo de criação e um tripé ou algo que sustente o equipamento.

Na atividade do dia 20 de julho, terça-feira, às 10h, será construído um brinquedo com papéis coloridos.

Às 14h do dia 22 de julho, quinta-feira, acontecem três oficinas. Na oficina de stop motion, os aprendizes vão realizar pequenos filmes de 10 cenas em formato de stop motion contando um pouco da rotina do dia a dia durante a quarentena em casa.

A proposta da segunda atividade é de vivenciar uma experiência de alongamentos, respirações e relaxamento corporal em família. O intuito é aproximar os familiares das práticas corporais e oferecer uma nova perspectiva divertida sobre autocuidado em casa que pode ser construído coletivamente e com leveza.

Por fim, a terceira oficina ensina os participantes a criar um trompete com materiais recicláveis. Os materiais necessários são: 2 garrafas pet de 2 litros, uma sacola plástica e um punhado de milho (arroz ou feijão também serve).

Em homenagem ao dia da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha, que é celebrado no dia 25 de julho, será realizada uma roda de conversa sobre Mulheres Pretas, referências na produção de conhecimento acerca dos feminismos negros. A atividade, que pretende realizar uma ponte entre vivências e teorias, será transmitida às 15h do dia 22 de julho.

O educador Márcio Rogério ensina a construir o principal instrumento utilizado na capoeira, o berimbau. Na atividade, os participantes utilizarão materiais recicláveis para a confecção do instrumento. O vídeo será disponibilizado no dia 24 de julho, sábado, às 10h.

No dia 27 de julho, terça-feira, às 10h, os participantes aprenderão a fazer uma massinha de argila artificial, que pode ser guardada na geladeira e serve para fazer inúmeros brinquedos.

Com uma gota de água e um celular, a atividade ensinará os interessados a criar uma “lente macro”. A oficina estará disponível no dia 29 de julho, quinta-feira, às 18h.

Fábrica de Cultura Brasilândia
Avenida General Penha Brasil, 2508 | Telefone: (11) 3859-2300

Fábrica de Cultura Capão Redondo
Rua Bacia de São Francisco, s/n | Telefone: (11) 5822-5240

Fábrica de Cultura Diadema
Rua Vereador Gustavo Sonnewend Netto, 135 – Centro – Diadema/SP | Telefone: (11) 4061-3180

Fábrica de Cultura Jaçanã
Entrada 1: Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138 | Entrada 2: Rua Albuquerque de Almeida, 360 | Telefone: (11) 2249-8010

Fábrica de Cultura Jardim São Luís
Rua Antônio Ramos Rosa, 651 | Telefone: (11) 5510-5530

Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha
Rua Franklin do Amaral, 1575 | Telefone: (11) 2233-9270

Acessibilidade: as Fábricas de Cultura Vila Nova Cachoeirinha, Brasilândia, Jaçanã, Capão Redondo, Jardim São Luís e Diadema oferecem rampa de acesso para pessoas com mobilidade reduzida, elevador, sanitários acessíveis, piso táctil, equipamentos que permitem a leitura para pessoas com deficiência visual e motora, impressoras braile, leitor de audiobooks e acervo com mais de 110 exemplares em braille (livros e áudio-books).

E-mail: contato@fabricasdecultura.org.br https://www.fabricasdecultura.org.br/index.php?t=i

(Com informações de Governo do Estado de SP)

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter