‘O nascimento de Jesus é um bem para toda a humanidade’

(Foto: Bruno Melo)

O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, presidiu, na capela de sua residência, a missa desta quinta-feira, 24, véspera do Natal. A celebração foi transmitida pela rádio 9 de Julho e pelas mídias digitais da Arquidiocese.

Na homilia, Dom Odilo meditou a  partir da liturgia do dia, que destaca a promessa de Deus para a humanidade. Na primeira leitura (2Sm 7,1-5.8b-12.14a.16), Deus promete ao rei Davi uma casa para ele, que significa sua descendência, que reinará para sempre.

Filho de Davi

“Jesus é chamado e aclamado pelo povo como filho de Davi… Ele não rejeita esse título. De fato, também era seu descendente. Porém, anuncia que seu trono não é em Jerusalém, pois seu reino não é deste mundo, mas que se estende a todos os povos, que fala da vida plena para todos”, destacou Dom Odilo, na homilia.

No Evangelho (Lc 1,67-79), Zacarias, ao louvar Deus pelo nascimento de João Batista, também faz referência à promessa de Deus feita a Davi: “Fez aparecer para nós uma força de salvação na casa de seu servo Davi, como tinha prometido desde outrora, pela boca de seus santos profetas, para nos salvar dos nossos inimigos e da mão de todos os que nos odeiam”, diz o cântico conhecido como Benedictus.

“Jesus é, portanto, prometido como o descendente de Abraão, de Davi, doa patriarcas. Ele é anunciado a Maria como o descendente de Davi e também é anunciado a José”, acrescentou o Cardeal, completando que Jesus vem para convocar todos os povos a acolherem o Reino de Deus.

Reino de Deus

“O reino de Davi era, de fato, imagem, anúncio do Reino de Deus anunciado por Jesus. É o que a Igreja continua a anunciar por meio da ação evangelizadora e missionária a todos os povos”, ressaltou o Arcebispo, reforçando que o Evangelho não algo apenas para os católicos, mas para toda a humanidade.

Por isso, Dom Odilo enfatizou que o Natal não é apenas a recordação do nascimento de uma criança em Belém ou o aniversário de uma pessoa. “É o nascimento de Jesus que é um bem para toda a humanidade. Deus enviou à terra o seu Filho, por esta criança que nasceu, Deus visita, alegra, consola e conforta e o seu povo”, completou.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter