Santa Paulina: há 20 anos elevada à honra dos altares

A Congregação das Irmãzinhas da Imaculada Conceição celebrou, na quinta-feira, 19, os 20 anos da canonização de sua fundadora, Santa Paulina. A festa aconteceu em diversos lugares do Brasil e do mundo. Na Capela Sagrada Família e Santa Paulina, no bairro do Ipiranga, a celebração eucarística foi presidida por Dom Ângelo Ademir Mezzari, RCJ, e concelebrada pelo Padre Rodrigo Pires, Capelão, assistidos pelo Diácono Orlando Luciano da Silva. 

Santa Paulina: há 20 anos elevada à honra dos altares, Jornal O São Paulo
Renata Quito

Com a presença das Irmãzinhas, colaboradores e devotos, ao final da missa o Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Ipiranga abençoou o esquife, recentemente restaurado, onde estão os restos mortais da Santa. “Com suas virtudes e sua santidade, Santa Paulina ilumina nosso caminho, nossa estrada”, disse durante a bênção. 

Para Irmã Rosane Lundin, coordenadora-geral da Congregação, celebrar o ano jubilar pelos 20 anos de canonização da Santa e os 80 anos do falecimento é de “alegria pela vida de Santa Paulina partilhada e vivenciada com fidelidade a Deus, no serviço humilde, simples e orante. É também compromisso pelo legado que ela nos deixou, de viver a sensibilidade e a disponibilidade, servindo a quem mais precisa”, explicou. 

Por Renata Garcia Quito
Colaboração Especial para a Região Episcopal Ipiranga

Deixe um comentário