Com dores no joelho, Papa cancela viagem à África e missa de Corpus Christi 

O problema nos ligamentos do joelho continua causando dificuldades para que o Papa Francisco cumpra sua ampla agenda de compromissos. Na sexta-feira, 10, o Vaticano informou que a viagem do Papa para a República Democrática do Congo e para o Sudão do Sul, prevista para 2 a 7 de julho, teve que ser cancelada. 

Vatican Media

Após a oração do Angelus do domingo, 12, Solenidade da Santíssima Trindade, o Papa Francisco lamentou profundamente ter que adiar a viagem. Falando à população e às autoridades desses países, ele afirmou: “Com grande pesar, por causa dos problemas na perna, tive que adiar minha visita aos seus países, programada para os primeiros dias de julho. Sinto, de verdade, grande tristeza por ter que adiar essa viagem, que desejo muitíssimo. Peço desculpas por isso”, disse o Papa. 

“Rezemos juntos para que, com a ajuda de Deus e dos cuidados médicos, eu possa ir até vocês o quanto antes. Tenhamos confiança!”, acrescentou. Na segunda-feira, 13, o Vaticano também avisou que a dor no joelho impede o Papa de celebrar a Santa Missa e procissão com bênção eucarística na festa de Corpus Christi

Deixe um comentário