Francisco: As pessoas com deficiência são um recurso para a comunidade eclesial

“Levanta-te e anda!” é o título do segundo vídeo da série sobre pessoas com deficiência e o Sínodo. #TheChurchIsOurHome para narrar a contribuição dos fiéis com deficiências ao Sínodo sobre a sinodalidade. Este é o segundo de quatro vídeos produzidos pelo Dicastério para os Leigos, Família e Vida. O primeiro, lançado em 6 de dezembro, foi sobre o tema da corresponsabilidade. Os próximos serão publicados em 12 e 26 de janeiro de 2023

pessoas com deficiência
Foto: Arquivo Pessoal

O Papa Francisco, numa audiência do dia 12 de dezembro, disse: “geralmente associamos com a deficiência a ideia de necessidade, de assistência e, às vezes – graças a Deus cada vez menos – de uma certa comiseração. Não, o Papa não vos olha assim; a Igreja não vos olha assim. O ponto de vista dos cristãos sobre a deficiência não é mais e não deve mais ser a comiseração e o assistencialismo, mas a consciência de que a fragilidade, assumida com responsabilidade e solidariedade, é um recurso para todo o corpo social e para a comunidade eclesial.”

No segundo vídeo da série #TheChurchIsOurHome, publicado hoje, os participantes da sessão extraordinária de escuta sinodal explicam como a pertença à comunidade eclesial e o encontro com o Evangelho liberam uma energia inesperada.

Para Enrique Alarcón Garcia, que se desloca em cadeira de rodas, as palavras que Jesus dirige a um paralítico – “Levanta-te e anda!” – são um incentivo para não se deixar aprisionar pela sua própria condição e assumir a responsabilidade de anunciar o Evangelho e de “transformar a realidade para que a vida seja Reino de Deus”.

O caminho sinodal, com a sua dinâmica inclusiva, abre as portas da Igreja para a plena participação das pessoas com deficiência e permite-lhes compreender e viver plenamente a sua vocação particular.

Fonte: Vatican News

Leia mais
Secretaria do Sínodo apresentou uma nota: “A contribuição das pessoas com deficiência para o Sínodo sobre Sinodalidade”

Deixe um comentário