Em reunião extraordinária, Conselho Gestor do FNS aprova recursos para 42 projetos dos três eixos previstos no edital

CNBB

Membros do Conselho Gestor do Fundo Nacional de Solidariedade (FNS) se reuniram de forma extraordinária na terça-feira, 23 de agosto, para avaliar os projetos do Eixo 2: “auxílio a situações de insegurança alimentar e vulnerabilidade social” e do Eixo 3: “capacitação para geração de renda”.

Em 2022, conforme definição do edital, os projetos a serem apoiados atenderão a três eixos. O eixo que mais recebeu propostas, 35 ao todo, foi o eixo I – Apoio a projetos educativos – , seguido pelo eixo 2 – Auxílio a situações de insegurança alimentar e vulnerabilidade social – com 21 e o eixo 3 – Capacitação para a geração de renda – com 18 propostas.

Em sua última reunião, realizada em 3 de agosto deste ano, o Conselho Gestor analisou apenas 35 projetos do Eixo 1, aprovou 30 deles e pediu informações mais detalhadas sobre 5. Para os 35 projetos do eixo 1 serão destinados R$ 1.012.122,59. 

Na reunião extraordinária do Conselho Gestor também foram avaliados os 5 projetos dos quais foram solicitadas, na reunião realizada dia 3 de agosto,  documentação complementar. Destes, o Conselho Gestor do FNS aprovou 4 projetos, sendo dois de Minas Gerais, 1 da Paraíba e 1 de Rondônia, perfazendo um total de R$ 90.000,00. 

Do Eixo 2, foram aprovados 19 projetos, sendo 2 para Bahia, 1 para o Distrito Federal, 1 para o Espírito Santo, 1 para o Maranhão, 4 para Minas Gerais, 1 para o Pará, 1 para Paraíba, 1 para o Piauí, 2 para o Paraná e 5 para o Rio Grande do Norte. Para estes, foi destinado um total de R$ 500.187,33. Do terceiro eixo, foram aprovados 18 projetos, sendo 3 da Bahia, 1 do Ceará, 10 de Minas Gerais, 3 do Rio Grande do Sul e 1 de Tocantins. Para estes foi destinado um total de R$ 393.787,30.

Próximos passos

De acordo com a assessora social da CNBB, Aldiza Soares, a equipe técnica enviará os  contratos às organizações para que estas assinem e os devolvam ao FNS para que seja, de fato, liberado o envio dos recursos para o início da execução dos projetos. A próxima reunião do Conselho Gestor do FNS está prevista para o dia 8 de setembro. Informações mais detalhadas sobre os projetos aprovados e sobre os prazos podem ser acessadas no site do fundo: fns.cnbb.org.br

35 projetos do eixo 1 contemplados por macrorregiões brasileiras:

Região Norte: AM – 03, RO – 02 e TO – 01
Região Nordeste: BA – 04, CE – 02, PB – 03, MA – 1, PE – 01, SE – 01
Região Centro-Oeste: GO – 04 e DF – 02
Região Leste: MG – 02SP – 03 e RJ – 01
Região Sul: RS – 01 e SC – 01

19 projetos do eixo 2 contemplados por macrorregiões brasileiras:

Região Norte: PA – 01
Região Nordeste: BA – 02, PB – 01, MA – 01, PI – 01, RN – 05
Região Centro-Oeste: DF – 01
Região Leste: ES – 01, MG – 04
Região Sul: PR – 02

18 projetos do eixo 3 contemplados por macrorregiões brasileiras:

Região Norte: TO – 01
Região Nordeste: BA – 03 e CE – 01
Região Leste: MG – 10
Região Sul: RS – 03

Fonte: CNBB

Deixe um comentário