‘Um só é vosso Pai, aquele que está no céu.’ O que isso quer dizer?

A Irene, do Tatuapé, me envia a seguinte dúvida: “Padre Cido, no Evangelho de Mateus (cf. 23,1-12) está escrito: na terra não chameis a ninguém de pai, pois só um é vosso Pai, aquele que está no céu. O que isso significa?”.

Irene, lembre-se de que Jesus está apontando a vaidade e o orgulho dos fariseus e mestres da Lei. Eles gostavam de se apresentarem como “mestres”, como guias e pais espirituais aos seus seguidores.

É claro que Jesus não está falando da relação filial com os pais. Tanto que o Evangelho chama Pedro de Barjonas, isto é, filho de Jonas, e o cego curado por Jesus é chamado de Bartimeu, isto é, filho de Timeu.  E o próprio Jesus em Nazaré chamava José de Pai, tanto que, ao ser encontrado no templo entre os doutores, Maria disse a ele: Teu pai e eu te procuramos há três dias.

Então, Irene, compreenda que Jesus pedia a seus discípulos que não chamassem ninguém de mestre, de guia. Ele, e só Ele, é o Mestre. Ele, e só Ele, é o Guia. E o Pai do céu é o Pai dos pais.

Jesus fala da humildade que deve marcar nossa vida. Escutemos Jesus. Ele é o Mestre que fala com sabedoria e educa com amor. Sigamos Jesus. Quem O segue não se perde. Vamos ao encontro do Pai Dele e do nosso Pai.

E jamais entenda que Jesus nos aconselha a não cumprir o quarto mandamento que nos pede “honrar pai e mãe”.

Fique com Deus, Irene. E que Deus nos livre dos fariseus e doutores da Lei de sempre, que não vivem o que ensinam a seus discípulos.

Deixe um comentário