Cardeal Scherer: ‘Dom Paulo foi firme com sua voz e manteve acessa a esperança’

O Arcebispo de São Paulo participou de uma live promovida pela Diocese de Criciúma, em comemoração centenário do nascimento do Cardeal Arns

Paróquia Sagrado Coração de Jesus – Forquilinha (SC) – Diocese de Criciúma

A Diocese de Criciúma, em Santa Catarina, promoveu na segunda-feira, 13, uma live em comemoração ao centenário de nascimento do Cardeal Paulo Evaristo Arns. A atividade foi feita em parceria com o Instituto Arns e a Pastoral da Criança.

Dom Paulo nasceu no dia 14 de setembro de 1921, no município de Forquilhinha (SC), cidade que está na área de abrangência da Diocese de Criciúma. Entre os participantes estava Lilian Arns, sobrinha de Dom Paulo, que da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Forquilhinha, leu um relato do próprio Cardeal Arns.

“A Forquilhinha eu devo o maior milagre de minha vida, o de ter nascido em uma família religiosa, sempre acarinhado por uma dúzia de irmãos e pelos pais mais extremosos. Forquilhinha me fez filho de Deus e me abriu todas as portas para ser sacerdote, Bispo, Arcebispo, Cardeal e amigos dos mais pobres do mundo”, escreveu o Cardeal Arns sobre sua cidade natal. 

Também participaram do evento o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo; Dom Leonardo Ulrich Steiner, Arcebispo de Manaus; Padre Pedro Paulo Custodio, Administrador da Paróquia Sagrado Coração de Jesus; Padre Júlio Lancelotti e Padre Cido Pereira, da Arquidiocese de São Paulo; e o jornalista Chico Pinheiro.

O Cardeal Scherer reiterou a importância em celebrar o centenário do nascimento de Dom Paulo, para que os jovens e futuras gerações conheçam a vida, o legado e a grande contribuição de Dom Paulo para o Igreja e Para o Brasil.

“O tempo de Dom Paulo diante da Arquidiocese não foi fácil e o momento histórico também não. Ele enfrentou situações muito difíceis e de grande crise durante a ditadura e repressão. Dom Paulo foi firme com sua voz e manteve acessa a esperança, para olhar para frente e superar, dar-se as mãos e unir esforços para conseguir superar aquele momento difícil” disse Dom Odilo.

O Arcebispo de São Paulo também recordou seus encontros com o Cardeal Arns, que segundo ele, foi um homem de profunda fé, que viveu a sua missão na Igreja no sentido mais profundo, não apenas no sentido religioso, mas no serviço para cidade e para as pessoas.

“Dom Paulo tem muito a dizer para nosso tempo, na situação em que o Brasil e o mundo vive. Essa situação de polarização ideológica, que não leva a nada, somente ao desastre. É melhor se abrir ao diálogo, a conversa, ao debate, para que cada um coloque na mesa o que tem a dizer, escute os outros e todos se unam em torno de projetos bons”, concluiu.

CONFIRA A LIVE COMPLETA

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter