Celam se une à Igreja da Venezuela após assassinato de sacerdote

Foto: Celam

Em comunicado divulgado nesta sexta-feira, 23, a presidência do Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam) exprimiu seu apoio e proximidade espiritual à Igreja da Venezuela, após o assassinato do Padre José Manuel de Jesús Ferreira, 39, Pároco do Santuário Eucarístico São João Batista, na cidade de San Carlos, a cerca de 270 quilômetros de Caracas.

Após a celebração da missa, realizada com a presença de poucos fiéis em decorrência da pandemia de COVID-19, Padre Ferreira se despedia dos paroquianos quando um assaltante segurou uma das pessoas e o Sacerdote interveio para ajudá-la, recebendo um tiro fatal no tórax.

Em sua mensagem, dirigida de forma especial ao Bispo da Diocese de San Carlos, Monsenhor Polito Rodríguez Méndez, o Celam recorda que este homicídio deve ser rejeitado sob todos os pontos de vista, não só porque foi cometido contra a pessoa de um sacerdote, mas porque representa uma violação direta da dignidade humana.

Os representantes do corpo de comunhão eclesial asseguraram sua oração por este fato, que se junta à grave situação socioeconômica em que vive o povo venezuelano, além de todas as dificuldades decorrentes das ações de combate ao coronavírus.

Também destacaram a atitude corajosa do Padre José Manuel de Jesús Ferreira, que se torna testemunho ao dar a vida pela defesa de outras vítimas de crimes comuns.

“Que o sangue derramado e o testemunho do Padre Ferreira despertem o surgimento de abundantes vocações para o bem da Igreja na Venezuela e para o serviço de tantos irmãos que precisam de pastores segundo o coração de Cristo”, conclui a mensagem.

CLIQUE E ACESSE O COMUNICADO DO CELAM (Em espanhol)

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter