Presidência do Celam visita Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos

Presidência do Celam visita Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos, Jornal O São Paulo
Foto: Celam

Os membros da presidência do Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam) seguem em sua jornada de encontros nos diferentes dicastérios da cura Romana. Como parte da agenda da quinta-feira, 17, o grupo visitou a Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos, onde foram recebidos pelo Cardeal Mario Grech, Secretário-geral, e pela Irmã Nathalie Becquart, Subsecretária.

O Celam foi representado por seu Presidente, Dom Miguel Cabrejos Vidarte; pelo Cardeal Odilo Pedro Scherer, 1º Vice-Presidente; Dom Rogelio Cabrera, Presidente do Conselho de Assuntos Econômicos; Dom Jorge Eduardo Lozano, Secretário-Geral; e Padre Pedro Brassesco, Secretário Adjunto.

Caminho para o Sínodo

A reunião foi o cenário apropriado para apresentar o processo de continuidade da Assembleia Eclesial da América Latina e do Caribe, realizada de 21 a 28 de novembro de 2021, em sintonia com a preparação do Sínodo sobre a sinodalidade.

Também foi tratada a organização da fase continental do Sínodo, na qual o Celam contribuirá com todo o seu trabalho com vistas ao encontro que reunirá representantes da América Latina e do Caribe. Esta etapa terá lugar durante o primeiro trimestre de 2023, após um processo de diálogo e acordo com as Conferências Episcopais para acordar os mecanismos mais eficazes para a sua implementação.

Por fim, houve um diálogo sobre o andamento da fase diocesana do sínodo em alguns países do continente, representado nos membros da Presidência do conselho episcopal.

Sinodalidade

A Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos é um organismo permanente ao serviço do Sínodo, que constitui um elo entre as suas várias assembleias. O Sínodo dos Bispos está programado para se reunir em sua XVI Assembleia Geral Ordinária em 2023. “Por uma Igreja sinodal: comunhão, participação e missão” é o tema do processo convocado pelo Papa Francisco.

Geralmente, os sínodos estão programados para ocorrer ao longo de 4 semanas de reflexão, dissertação e deliberação sobre temas específicos. Os trabalhos de 2023, no entanto, serão precedidos por três fases preliminares que ocorrem nos contextos diocesano, episcopal e continental para terminar com o reflexo da Igreja universal.

Em 7 de setembro de 2021, a Santa Sé publicou o Documento Preparatório para avançar nos trabalhos e consultas sobre o Sínodo 2021-2023.

Fonte: Celam

Deixe um comentário