Um grupo de 121 crianças recebe a primeira Comunhão no Iraque

Igreja celebra com alegria e esperança a recepção do sacramento em cidade de maioria cristã que foi visitada pelo Papa Francisco em sua recente visita ao país

Primeira comunhão em Qaraqosh, no Iraque (Foto: Asia News)

A Igreja de São João Batista, em Qaraqosh, no Iraque, acolheu a celebração da primeira Comunhão de 121 crianças. A cidade majoritariamente cristã é uma das mais importantes da planície de Nínive e foi um dos pontos visitados pelo papa Francisco em sua viagem ao Iraque em março deste ano.

Padre Majeed Attalla, pároco da catedral siro-católica da Imaculada Conceição, em Qaraqosh, informou que essas crianças pertencem a duas paróquias na área, mas há outras 400 crianças esperando para receber o sacramento nas próximas semanas.

ALEGRIA E ESPERANÇA

“Graças a Deus temos muitas crianças e isso é uma fonte de alegria, pois dão força e esperança para continuar, representam o futuro”, disse.

Padre Attalla sublinhou que as crianças “ainda têm nos seus olhos e no coração a visita do Papa Francisco”, que foi “uma fonte de ânimo para todos nós”. A celebração desta primeira Comunhão também significou deixar para trás a violência jihadista do Estado Islâmico, que devastou o país.

FÉ E TESTEMUNHO

A torre do sino da Igreja de São João Batista foi destruída pelo Estado Islâmico, mas a comunidade a reconstruiu para dar testemunho de que a fé é mais forte do que a morte e a destruição.

Em torno de 90% da população de Qaraqosh é cristã, e esta cidade é um território cristão fundamental na área. Entre 2014 e 2016, com a ocupação jihadista, a catedral da Imaculada Conceição foi utilizada como local de prática de tiro.

Fonte: ACI Digital

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter