É falsa notícia que máscaras enviadas da China estão contaminadas pelo novo coronavírus

Diariamente, O SÃO PAULO publica notícia que alerta sobre fake news relacionadas à atual pandemia

É falsa notícia que máscaras enviadas da China estão contaminadas pelo novo coronavírusEm um áudio compartilhado em aplicativos de mensagens, uma mulher alerta sobre o uso de máscaras contaminadas pelo novo coronavírus, exportadas da China para o Brasil. A informação é repetida insistentemente, para que os brasileiros não adquiram o material infectado e, para que seja feito o compartilhamento da informação ao maior número possível de pessoas.

POR QUE?

O Ministério da Saúde reiterou em seu portal, que não existem evidências que comprovem a contaminação por coronavírus em produtos enviados da China ao Brasil, explicando, ainda, que o vírus não é capaz de sobreviver em superfícies por um tempo superior ao do transporte entres os países, que pode levar dias.

COMBATE ÀS NOTÍCIAS FALSAS

Para combater as Fake News sobre saúde, o Ministério está disponibilizando um número de WhatsApp para envio de mensagens da população. Vale destacar que o canal não será um SAC ou serviço para esclarecer dúvidas dos usuários, mas um espaço exclusivo para receber informações virais, que serão apuradas pelas áreas técnicas e respondidas oficialmente se são verdade ou mentira.

Qualquer cidadão poderá enviar gratuitamente mensagens com imagens ou textos que tenha recebido nas redes sociais para confirmar se a informação procede, antes de continuar compartilhando. O número é (61) 99289-4640.

Além disso, o Governo do Estado de São Paulo disponibiliza um canal exclusivo no Telegram de combate notícias falsas sobre coronavírus.

(Com informações de Governo de São Paulo)

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter