Confira nossa versão impressa

Capelania N. Sra. da Misericórdia: atenção aos doentes, familiares e à equipe médica da Santa Casa

Capelania N. Sra. da Misericórdia: atenção aos doentes, familiares e à equipe médica da Santa Casa
Padre Tiago Gurgel abençoa fiéis em frente à Capela da Santa Casa de Misericórdia (fotos: Luciney Martins/O SÃO PAULO)

Fundada por volta de 1884, a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo tornou-se o maior hospital filantrópico da América Latina. Atualmente, o complexo oferece atendimento em 54 especialidades médicas, sendo referência para o Ministério da Saúde em assistência de alta complexidade.

Até o fim do século XX, a Santa Casa era a única instituição de São Paulo que se preocupava em prestar assistência aos pobres e indigentes. Hoje, mais de 8,3 mil funcionários atuam no atendimento de aproximadamente 2,6 milhões de pessoas por ano.

Inaugurada em 1901, a Capela do Hospital Central Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo é a sede da Capelania Hospitalar Nossa Senhora da Misericórdia, na qual Padre Tiago Gurgel e Padre Amado Carvalho são capelães. A Capelania presta assistência religiosa a todo o complexo da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e aos hospitais Santa Isabel e Sancta Maggiore, além do Instituto do Câncer Dr. Arnaldo e da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

Padre Tiago é Capelão há cerca de dois anos e falou, em entrevista ao O SÃO PAULO, sobre os serviços prestados pela Capelania, que consistem, principalmente, nas visitas aos doentes; bênção dos setores hospitalares; celebração dos sacramentos, inclusive batizados e casamentos, e celebrações eucarísticas em datas especiais da instituição, como no Dia do Enfermeiro, Dia do Médico, e em formaturas.

“Todas as sextas-feiras, realizamos a adoração ao Santíssimo Sacramento na Capela, além de levar o Santíssimo aos setores e corredores do hospital em ocasiões especiais, rito que encontra muita acolhida entre pacientes, familiares e funcionários do hospital”, disse.

Padre Tiago ressaltou também a relação que existe entre os membros da Capelania e as diferentes equipes do hospital. “Na maioria dos casos, são os próprios médicos, enfermeiros e demais profissionais que nos chamam aos setores”, explicou.

Recentemente, o Cardeal Odilo Scherer encontrou-se com o provedor da Santa Casa, doutor Antonio Penteado Mendonça para que o contrato entre a Santa Casa e a Arquidiocese de São Paulo seja firmado oficialmente.

Obras de arte

Capelania N. Sra. da Misericórdia: atenção aos doentes, familiares e à equipe médica da Santa Casa

Entre 2001 e 2003, a Capela do Hospital Central Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo passou por uma reforma que teve como principal objetivo a troca do telhado e a recuperação das pinturas e de um barrado decorado que tinha sido coberto por diversas demãos ao longo dos anos.

Com o reparo, foi realizada a remoção da camada pictórica resultante do processo de intervenção executado nos anos 1970 e resgatadas as pinturas que estão nas paredes laterais: São João Batista, São Francisco Xavier, São Vicente de Paulo, São Luís Gonzaga, Santo Antônio de Pádua e São Francisco de Sales. Os painéis da nave foram reconstituídos e, em 2004, a Capela foi reaberta aos fiéis.

As primeiras pinturas e o tratamento decorativo original da Capela são de 1913 e foram realizados pelo artista Gino Captam. Natural de Florença, na Itália, Captam veio ao Brasil em 1893, regressou à Itália em 1908, onde se especializou em pinturas decorativas. De volta ao Brasil, trabalhou com Benedito Calixto na decoração das Igrejas de Santa Cecília, em 1909, e de Santa Ifigênia. Executou diversas pinturas decorativas em residências particulares e também desenvolveu uma intensa produção artística em desenhos e telas.

Além das pinturas nas paredes laterais, a Capela conta com uma pintura que representa o encontro de Maria, Mãe de Jesus, com Santa Isabel, e várias imagens de santos, além do quadro com a pintura de Nossa Senhora da Misericórdia.

Cura do corpo e da alma

Capelania N. Sra. da Misericórdia: atenção aos doentes, familiares e à equipe médica da Santa Casa

Afonso Xavier é médico assistente da clínica médica do Pronto-Socorro Central da Santa Casa há dois anos. Ao O SÃO PAULO, ele falou sobre o quanto o serviço prestado pela Capelania é importante para os pacientes e seus familiares, bem como para a equipe médica e funcionários do hospital.

“Ao contrário do que a maioria pensa, as pessoas não sofrem só com dores físicas. Os sofrimentos emocionais e, sobretudo espirituais, por vezes são muito mais importantes e influenciam a forma de enxergar e lidar com a doença. Perceber a existência dessas outras dimensões do sofrimento é o primeiro passo para o tratamento com dignidade”, afirmou Xavier.

Para o médico, contar com os esforços da equipe da Capelania, os Padres Tiago e Amado, é uma honra para o hospital, e vem contribuindo sobremaneira para o que eles começaram a chamar de urgências espirituais.

“Na correria do Pronto-Socorro – o nosso é o maior da América Latina –, temos encontrado espaço para a espiritualidade, ainda que de forma pontual. Muitas vezes por pedido da família e algumas vezes por sugestão da própria equipe médica”, salientou Xavier, que disse ainda que a maioria das urgências espirituais se dá quando começa o processo de morte. “É muito clara a melhora do ambiente nos setores que recebem a visita dos nossos queridos padres”, disse.

Vocação para servir

Clóvis Tavares participa das missas na Capela há quatro anos. Junto com Bárbara Cristina Santa Rita, 16, ele estava na missa no domingo, dia 1º, ocasião da visita da reportagem ao hospital.

“Comecei a participar das missas na Capela acompanhando minha mãe num momento muito difícil da minha vida. Num certo domingo, vi uma senhora que cantava sem nenhum acompanhamento de instrumentos. Então, no fim da celebração, ofereci-me para tocar violão e acompanhá-la nos cantos. Fui prontamente aceito e acolhido. Descobri que o senhor que tocava piano na Capela tinha falecido no sábado anterior. Senti muito forte aquele chamado para ajudar e, a partir de então, cada dia mais fui sendo agraciado por Deus em todos os sentidos”, contou Tavares.

INFORMAÇÕES E CONTATOS

Capelania N. Sra. da Misericórdia: atenção aos doentes, familiares e à equipe médica da Santa Casa

Missas

De segunda a sexta-feira, às 12h

Sábado, às 16h

Domingo, às 10h

As missas são transmitidas ao vivo pelo Facebook da Capela

Na Capela, são realizados batizados (comunitários e individuais) e casamentos.

Contatos

Telefone: (11) 2176-7000, ramal 5407

WhatsApp: (11) 9 7150-7591

E-mails capela@santacasasp.org.br

capelansmisericordia@santacasasp.org.br

Horário de funcionamento da secretaria:

De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h (fechada durante a missa, das 12h às 12h30 e das 13h às 14h)

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Natal 2020: lições para aprendermos e ensinarmos

Quem diria, há um ano, que estaríamos nos preparando para o Natal desta maneira tão diferente de tudo o que cada um de nós...

Na solenidade da Imaculada Conceição, Papa Francisco fará homenagem particular a Nossa Senhora

Para evitar aglomerações, seguindo as recomendações das autoridades sanitárias contra a COVID-19, o Papa Francisco não realizará o tradicional ato de devoção a Nossa...

Na beleza do universo, contemplar a grandeza do Criador

Na quarta-feira, 2 de dezembro, se comemora o Dia Nacional da Astronomia, ciência que busca a compreensão física sobre o universo

Novena de Natal 2020: ‘Deus entra em nossas casas’

Subsídio preparado pela Arquidiocese de São Paulo é iluminado pelo sínodo arquidiocesano e pelas diretrizes gerais da CNBB, e está sensível ao atual momento...

Vídeo do Papa: ‘rezando, mudamos a realidade e nossos corações’

Foi divulgada, nesta terça-feira,1°, a videomensagem do Papa Francisco com a intenção de oração para dezembro, último mês de 2020, ano marcado pela pandemia...

Newsletter