Definidos os detalhes da Missão de Férias dos seminaristas da Arquidiocese

Desta vez, em virtude da pandemia, os seminaristas não irão a campo, justamente para evitar qualquer possibilidade de risco à saúde. Essa condição, porém, não impedirá que aconteçam momentos importantes de formação missionária

Seminaristas da Arquidiocese realizam semana missionária durante as férias Foto: Luciney Martins/O SÃO PAULO (Arquivo)

Na quinta-feira, 17, houve uma reunião on-line para tratar da programação da Missão de Férias dos seminaristas, atividade que acontece anualmente como parte do programa formativo dos futuros sacerdotes da Arquidiocese de São Paulo.

O encontro virtual contou com a participação de Cardeal Scherer, Arcebispo Metropolitano, de Dom Ângelo Mezzari, Bispo Auxiliar e Referencial para as Vocações, dos formadores dos seminários – Padres Adeíldo Machado, Frank de Almeida e Cícero Alves de França –, do Padre José Carlos dos Anjos, responsável pela Pastoral Vocacional, do Padre Kiko Argüello, do Caminho Neocatecumenal, e de alguns vocacionados.

MOTIVAÇÃO

O propósito da atividade, que sempre acontece nas férias de inverno e este ano será de 5 a 8 de julho, é estimular nos seminaristas a nova cultura missionária da Igreja, proporcionando-lhes o contato com realidades diversas para que conheçam e aprendam na prática os desafios missionários.

Desta vez, em virtude da pandemia, os seminaristas não irão a campo, justamente para evitar qualquer possibilidade de risco à saúde. Essa condição, porém, não impedirá que aconteçam momentos importantes de formação missionária por meio de palestras, testemunhos, partilhas, plenários e exibição de filmes, com a participação de todos, porém com cada turma em sua própria casa, conectados por meio de uma plataforma virtual que permitirá o contato e a troca de experiências em tempo real.

PROGRAMAÇÃO

A programação ao longo dos dias inclui a abordagem de diversos assuntos, como as fontes da fé da Igreja em São Paulo e a importante contribuição dos jesuítas na formação religiosa da metrópole, com os Padres Ney de Souza, professor de História da Igreja no Brasil na PUC-SP, e Carlos Alberto Contieri, SJ, Superior Provincial dos Jesuítas e responsável pelo Pateo do Collegio.

No segundo dia, testemunhos e partilhas de vivências missionárias na Amazônia, com Dom Mario Antônio da Silva, Bispo de Roraima, e Dom Adolfo Zon Pereira, Bispo de Alto Solimões (Tabatinga), região da floresta na fronteira com a Colômbia e o Peru, e, também, a experiência missionária no México, com Dom Carlos Silva, OFMCap, Bispo Auxiliar de São Paulo.

Uma palestra sobre a Assembleia Eclesial da América Latina e do Caribe será ministrada por Dom Odilo na manhã do terceiro dia de atividades, seguida de testemunhos missionários na parte da tarde, com as presenças do Padre Gianpietro Carraro, da Missão Belém, e sua experiência missionária no Haiti; e do Padre André, da Aliança de Misericórdia, e o trabalho missionário desenvolvido em Maputo, Moçambique.

Todas as atividades contarão com intervalos em que será possível aos seminaristas fazer perguntas e trocar ideias, bem como se preveem plenários para cada uma das turmas, para que possam externar as impressões que vão colhendo ao longo das exposições, além da exibição de um filme com temática relacionada ao que foi tratado ao longo de cada dia.

Por fim, no quarto e último dia, haverá uma avaliação a respeito do que foi vivenciado nessa missão, seguida de uma confraternização em cada uma das casas de formação como despedida e preparação para as férias propriamente.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter