Brasil tem 4o dia seguido de queda na média móvel de mortos por COVID-19

Nas últimas 24 horas, foram 3.070 novos óbitos, de acordo com o consórcio de veículos de imprensa, e 3.305, segundo o Ministério da Saúde

Foto: Agência Saúde DF/Arquivo

Nesta sexta-feira, 16, o Brasil registrou 3.070 novas mortes por COVID-19, totalizando 369.024 pessoas já vitimadas fatalmente por essa doença no País desde o começo da pandemia, conforme dados do consórcio de veículos de imprensa.

Com os dados de hoje, a média móvel de óbitos nos últimos sete dias é de 2.870 óbitos/dia, confirmando a tendência de queda verificada desde a terça-feira, 13, após ter se alcançado o recorde desse indicador na segunda-feira, 12, com 3.125 óbitos diários na média.

Em relação à quantidade de casos confirmados, já são 13.834.342 desde o começo da pandemia, sendo 76.249 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 65.561 novos diagnósticos por dia.

Os dados fornecidos pelo Ministério da Saúde apontam para números diferentes: 3.305 óbitos nas últimas 24 horas, levando ao acumulado de 368.749 vidas perdidas em decorrência da COVID-19. Além disso, de ontem para hoje foram 85.774 novos casos, que fazem com que o acumulado de pessoas que já tiveram ou estão com a doença seja de 13.832.455.

Mais de 12% da população recebeu 1a dose da vacina

Levantamento feito por veículos de imprensa junto às secretarias estaduais da Saúde indica que 25.777.943 pessoas já receberam a 1a dose de vacina contra a COVID-19, o que representa 12,17% da população brasileira.

A segunda dose já foi aplicada em 9.134.959 pessoas (4,31% da população do país).

Nesta sexta-feira, o Ministério da Saúde confirmou que o 1o lote de vacinas da Pfizer contra a COVID-19 será entregue ao Brasil, com 1 milhão de doses, até o próximo dia 29, vindas de uma fábrica farmacêutica da Bélgica.

Novas quedas de internações em SP

O Estado de São Paulo registra nesta sexta-feira o acumulado de 87.326 mortes e 2.722.077 casos confirmados pela COVID-19. Entre os infectados, 2.337.994 estão recuperados.

O número de internações continua na descendente: há 24.792 internados, sendo 13.194 em leitos de Terapia Intensiva e 11.598 em enfermaria.

As taxas de ocupação dos leitos de UTI registradas hoje foram de 83,3% na Grande São Paulo e 85% no Estado.

Nesta sexta-feira, o governo paulista anunciou a Fase de Transição do Plano São Paulo a partir de domingo, 18, quando haverá a retomada das atividades comerciais e de cultos religiosos com a presença presencial dos fiéis. Também hoje, a Arquidiocese de São Paulo comunicou a volta das missas com o povo, com a limitação de 25% de ocupação nos templos.

Fontes: G1, Ministério da Saúde, Agência Brasil e Governo de São Paulo

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter