Clero atuante no Belém peregrina por ocasião do Ano de São José

Rita Tamada

Em 10 de novembro, cerca de 50 padres e diáconos que atuam na Região Episcopal Belém peregrinaram à Paróquia São José, no Belenzinho, por ocasião de Ano de São José.

A peregrinação teve início pela manhã, no Centro Pastoral São José. Pelas ruas do bairro, o clero rezou a Deus, cantou louvores e pediu a intercessão de São José. Dos comércios e casas, as pessoas acompanhavam a atividade e pediam bênçãos. Ao chegar à Paróquia, todos foram acolhidos por Dom Luiz Carlos Dias, Vigário Episcopal na Região, nomeado Bispo de São Carlos (SP).

Na sequência, o Padre Antônio César Seganfredo, Scalabriniano e Pároco da Paróquia São João Batista, na Região Ipiranga, falou sobre o papel de São José na vida e na missão do clero, como pai adotivo de Jesus na vida clerical.

“Que a vida de São José nos inspire cada vez mais para seguirmos nosso dia a dia, comprometidos com o nosso povo, sendo ‘pais’ para as nossas comunidades”, disse Dom Luiz Carlos, no começo da missa. Anteriormente, todos foram acolhidos pelo Padre Marcelo Maróstica Quadro, Pároco.

Na homilia, o Bispo recordou que a peregrinação era um dos últimos encontros com o clero atuante na Região, antes que venha a assumir a Diocese de São Carlos, em 18 de dezembro.

Dom Luiz Carlos ressaltou que os padres e bispos são chamados a se reapropriar da figura de São José como um pai de coração imenso e totalmente dedicado à sua missão: “Assim pudemos refletir e aprofundar aspectos da pessoa de São José e da maneira como cumpriu sua missão, o que deve ter nos reencantado e atraído pelos exemplos de suas grandes virtudes”.

O Bispo disse, ainda, que São José a todos ensina a importância da disponibilidade permanente do ministro ordenado. “As paróquias precisam do padre full time e podemos estabelecer um paralelo entre um sítio ou negócio qualquer com uma paróquia, pois se o cultivo na paróquia for feito somente em alguns dias, a evangelização fica muito prejudicada. Se o padre fica só em casa e não coloca a mão na massa, pode ser um grande letrado, mas muito pouco efetivo para o seu povo e prestará contas a Deus”, comentou.

Ao final da celebração, entoou-se a Ladainha de São José, pedindo a intercessão do Pai adotivo de Jesus pelo clero atuante na Região e rezou-se a Oração a São José, escrita pelo Papa Francisco para este ano especial.

Por fim, Dom Luiz Carlos, em tom de despedida e gratidão, recordou sua passagem como Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Belém, destacando o dinamismo e o empenho do clero e o apoio que sempre recebeu. Padre Eduardo Binna, responsável pela Pastoral Litúrgica da Região Episcopal Belém, e o Padre Tarcísio Mesquita, Coordenador de Pastoral Arquidiocesano, discursaram em gratidão ao Bispo.

A missa em ação de graças pelo ministério de Dom Luiz Carlos Dias ocorrerá em 5 de dezembro, às 15h, na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, com a presença do Cardeal Scherer, Arcebispo Metropolitano.

(Por Fernando Arthur – Colaborador de comunicação na Região)

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter