‘Devemos fazer brilhar a luz do testemunho da fé’

Cardeal Odilo Scherer (foto: Bruno Melo/arquivo)

Na missa da manhã da segunda-feira, 20,  o Cardeal Odilo Pedro Scherer meditou sobre o testemunho da vida cristã segundo o Evangelho.

O Arcebispo de São Paulo presidiu a Eucaristia na capela da sua residência, transmitida pela rádio 9 de Julho e pelas mídias digitais da Arquidiocese.

Nesta data, a Igreja celebra a memória de Santo André Kim e seus companheiros mártires.

No início do século XVII, a fé cristã entrou pela primeira vez em terras da Coreia, por iniciativa de alguns leigos, de cujo esforço, sem pastores, surgiu uma comunidade forte e fervorosa. Só em 1836 os primeiros missionários, vindos da França, entraram furtivamente no país.

Nesta comunidade, floresceram, com as perseguições de 1839, 1846 e 1866, cento e três mártires, entre os quais sobressaem o primeiro sacerdote e ardoroso pastor de almas André Kim Taegón e o insigne apóstolo leigo Paulo Chóng Hasang, a que se juntaram muitos leigos, homens e mulheres, casados e solteiros, velhos, jovens e crianças. Todos eles consagraram com seu testemunho e sangue as primícias da Igreja coreana.

“Que pela intercessão desses santos mártires, o povo coreano e também todos nós perseveremos na fé”, pediu Dom Odilo, no início da celebração.

Esconder a luz

No Evangelho do dia(Lc 8,16-18), Jesus diz à multidão: “Ninguém acende uma lâmpada para cobri-la com uma vasilha ou colocá-la debaixo da cama; ao contrário, coloca-a no candeeiro, a fim de que todos os que entram vejam a luz”.

Em seguida, o Senhor afirma que “a quem tem alguma coisa, será dado ainda mais; e àquele que não tem, será tirado até mesmo o que ele pensa ter”.

Na homilia, Dom Odilo explicou que aqueles que escondem seus dons e não os fazem frutificar e resplandecer a luz de Deus no meio do mundo. “Devemos fazer brilhar o testemunho da fé, para que não seja inútil”, reforçou.

Lembrando os mártires coreanos, o Arcebispo destacou que os católicos da Coreia celebram o jubileu do bicentenário de Santo André Kim, que,  com seus companheiros, foi exemplo de perseverança e firmeza. “Esses fizeram brilhar a luz que receberam”, afirmou o Cardeal. 

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter