Dom Carlos Silva ordena diácono Gabriel Felipe Oberle

Na homilia, o Bispo enalteceu a vocação do ordenando, destacando ser algo que brotou na família, a partir da entrega de seus pais

Alex Formigoni

Pela imposição das mãos de Dom Carlos Silva, OFMCap, foi ordenado diácono no sábado, 24, no Santuário Sião Mãe Rainha, no Jaraguá, o até então seminarista Gabriel Felipe Oberle, do Instituto Secular dos Padres de Schoenstatt.

Concelebraram os Padres de Schoenstatt do Brasil: José Fernando Bonini, Severino Araújo, Marcelo Aravena, Gustavo Hanna Crespo, Pedro Cabello, Clodoaldo Kaminura e Rafael da Mota Tavares; assistidos pelos diáconos Rafael Flausino e Felipe Araujo e pelo seminarista Lucas Botassio.

No começo da missa, o Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Brasilândia saudou a todos, lembrou que a ida ao Santuário “nos consagra e nos envia para a missão” e, se dirigindo ao ordenando, desejou: “Que você seja um atleta de Cristo. Ao final da vida, possa dizer como São Paulo: ‘Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé’”.

Na homilia, Dom Carlos enalteceu a vocação do ordenando, destacando ser algo que brotou na família, a partir da entrega de seus pais, Edmundo e Mirian. Gabriel participou de grupos de jovens na Paróquia e foi convidado para selar a Aliança de Amor.

O Bispo destacou que o diácono é aquele que dá testemunho de um amor misericordioso, sendo encarregado de realizar a diaconia da caridade. Lembrou, também, que ser diácono é dom de Cristo para a Igreja e que, antes de tudo, é necessário ser servo e morar na Palavra de Deus.

Dom Carlos expressou que a dimensão do serviço no diaconato “é a tradução do amor a Deus, é ajudar o próximo até as últimas situações”. Citou, ainda, o Papa Francisco: “Toda vocação exige sempre um êxodo de si mesmo para centrar a própria existência em Cristo e no seu Evangelho”.

Ao final, o agora Diácono Gabriel Oberle agradeceu a todos os que o acompanharam e o motivaram por onde passou. Ele escolheu como lema diaconal: “O menino crescia e ficava forte, cheio de sabedoria. E a graça de Deus estava com ele” (Lc 2,40).

(Por Davi Vilarinho – Colaboração especial para a Região)

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter