Falecidos na pandemia são relembrados na Paróquia São Luís Gonzaga 

Falecidos na pandemia são relembrados na Paróquia São Luís Gonzaga 
Taíse Cortês

A Paróquia São Luís Gonzaga, Setor Pereira Barreto, promoveu, durante as celebrações da Semana Santa, um momento de recordação dos falecidos destes últimos dois anos de pandemia. 

A comunidade paroquial foi convidada a fazer cruzes com fotos dos seus falecidos e, na conclusão da peça teatral “Do luto à esperança”, com texto do Padre Roberto Moura, Pároco, e produção, direção e elenco do grupo de jovens do Crisma, todos integraram a cena e compartilharam o seu luto. 

“O velório é importante no nosso rito de luto. Quantas famílias, nesses últimos dois anos, não tiveram a oportunidade de uma despedida e de um enterro dignos? Quantos sofreram e sofrem por não poderem dizer adeus. Quanta dor, quanto sofrimento… Ó Senhora das Dores, Ó Senhora da Boa Morte, Ó Senhora dos Órfãos, Ó Senhora das viúvas e viúvos… Ó Senhora do Amparo, amparai-nos… Olhai e vede quão grande é a nossa dor”, dizia parte do texto da peça. 

O clima de emoção tomou conta de todos os que seguiram em procissão pelas ruas da Vila Pereira Barreto, levando as imagens do Cristo Morto, Nossa Senhora das Dores e as cruzes com fotos que relembraram os falecidos. 

Na manhã do Domingo de Páscoa, 17, após o Lucernário na Comunidade Sagrada Família, foi realizada uma procissão com o Senhor Ressuscitado e as cruzes deixadas na Sexta-feira Santa, rumo à Paróquia São Luís Gonzaga, onde foram colocadas próximas ao altar e farão parte de um memorial na matriz paroquial. 

TAÍSE CORTÊS
Colaboradora de comunicação na Região Brasilândia

Deixe um comentário