João Doria anuncia sua renúncia ao governo de São Paulo

Político do PSDB deve concorrer à Presidência da República. Rodrigo Garcia, até então vice-governador assume o Palácio dos Bandeirantes

João Doria anuncia sua renúncia ao governo de São Paulo
foto: Governo do estado de São Paulo

Na tarde da quinta-feira, 31, João Doria Junior, 64 anos, anunciou a renúncia ao governo do estado de São Paulo, após três anos e três meses de mandato. Em seu lugar assume Rodrigo Garcia, eleito vice-governador em outubro de 2018, quando Doria venceu a disputa ao governo estadual em segundo turno contra Márcio França.

Doria anunciou que será candidato à presidência da República pelo PSDB, confirmando o que as prévias do partido indicaram em dezembro do ano passado. Rodrigo Garcia cumprirá o mandato de governador até 31 de dezembro. Ele poderá concorrer à reeleição para o cargo no pleito que se realizará em outubro deste ano.

O anúncio de João Doria foi feito durante o Seminário Municipalista realizado no Palácio dos Bandeirantes, do qual participaram prefeitos de 619 municípios paulistas, além de alguns vereadores. Na ocasião, Doria mencionou aspectos que considerou como feitos e desafios vencidos em sua gestão, que teve início em 1º de janeiro de 2019.

RODRIGO GARCIA

Além do cargo de vice-governador na gestão Doria, Rodrigo Garcia, 47 anos, atuou como Secretário de Governo.

Antes das funções no Executivo paulista, foi deputado federal por dois mandatos, de 2011 a 2018, e três vezes deputado estadual, tendo sido presidente da Assembleia Legislativa, entre 2005 e 2007. Foi secretário nas pastas da Habitação, de Desenvolvimento Econômico e de Desenvolvimento Social e também secretário de Gestão da Prefeitura de São Paulo. Após anos no PSD, desde o ano passado é filiado ao PSDB, mesmo partido de Doria.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Deixe um comentário