'Tiago foi o primeiro apóstolo que derramou seu sangue por Cristo'

Disse Dom Carlos Lema Garcia, no programa ‘Encontro com o Pastor’

'Tiago foi o primeiro apóstolo que derramou seu sangue por Cristo'
Martírio de São Tiago Maior l Reprodução de Internet

A vida e exemplo do apóstolo São Tiago Maior foram destacadas por Dom Carlos Lema Garcia, Bispo Auxiliar da Arquidiocese, no programa “Encontro com o Pastor”, da rádio 9 de Julho, por ele conduzido no dia 25, já que o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano, está em retorno de viagem do Vaticano, onde participou de reuniões na última semana.

O apóstolo São Tiago Maior é comemorado pela Igreja no dia 25 de julho. Seu martírio se deu por volta do ano 44 da era cristã, tendo entregado sua vida ao anúncio do Evangelho na Espanha.

O Bispo Auxiliar da Arquidiocese de São Paulo explicou que há dois apóstolos com o mesmo nome: Tiago, o irmão de São João e filho de Zebedeu e Salomé, uma das mulheres que seguia acompanhava Jesus; e Thiago Menor, que era bispo de Jerusalém e autor de uma das cartas do Novo Testamento, chamada Carta de São Tiago.

Conhecido como Tiago Maior, este é um dos três discípulos mais próximos de Jesus, estando presente nas situações em que o Mestre o chama junto a Pedro João e Tiago, como por exemplo no mistério da transfiguração no Monte Tabor ou na oração e agonia no Horto das Oliveiras.  

“Ele foi um daqueles que Jesus chamou diretamente quando caminhava ao longo do mar da Galileia. Cristo viu Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão, que consertavam as redes e os chamou”, lembrou o Bispo, referindo-se à passagem retratada nas Escrituras.

Dom Carlos apontou, também, que os irmãos Cristo deu o nome de Boanerges, que quer dizer ‘Filhos do Trovão’, porque os dois tinham energia e firmeza muito próprias da juventude, o que fazia com que fossem exageradamente para defender a mensagem e o anúncio de Jesus.

O Bispo Auxiliar da Arquidiocese ressalta ainda a passagem em que, após Salomé interceder em nome dos filhos, pedindo um lugar de prestígio no Reino, Cristo pergunta aos irmãos se estão dispostos a beber do mesmo cálice que Ele beberia, ou seja, se iriam até o fim, derramariam o próprio sangue pelo Mestre.

“Tiago foi o primeiro apóstolo que derramou seu sangue por Cristo, pregando a mensagem salvadora de Nosso Senhor. Foi martirizado por Herodes já bem no início da vida da Igreja”.

Dom Carlos Lema ressaltou que a memória de Tiago Maior deve fazer os fiéis questionarem o que eles entregam a Cristo, visto que o apóstolo entregou a própria vida pelos que Nele creem. Assim, o Bispo convidou os fiéis a pensarem na decisão de amar a Deus com todas as consequências. “O exemplo desses apóstolos fica como um sinal de que o amor a Deus deve ser verdadeiro total até as últimas consequências pensamos”, concluiu.

OUÇA A ÍNTEGRA DO ENCONTRO COM O PASTOR

Deixe um comentário