Em breve, será canonizado Charles de Foucauld

Missionário francês, morto na Argélia em 1916, foi proclamado beato pelo Papa Bento XVI em 2005

Charles de Foucauld (foto: Reprodução)

O Papa Francisco convocou um consistório ordinário público de cardeais para votar as causas de canonização de sete novos santos. Entre eles, está o Beato Charles de Foucauld, missionário francês morto na Argélia em 1916. Foucauld é beato desde 2005, proclamado pelo Papa Bento XVI.

O consistório será em 3 de maio. Trata-se de uma reunião protocolar entre o Papa e os cardeais presentes em Roma, em que se marca a data da cerimônia.

LEIA TAMBÉM

Papa Francisco: sacerdócio não é carreira, é serviço

Francisco: o amor de Cristo não é seletivo, abraça a todos

Dia da Terra: ‘Estamos no limite. É hora de agir’, afirma o Papa

Charles de Foucauld foi autor de livros espirituais e promotor do diálogo com os muçulmanos. Como missionário, viveu em oração, silêncio e serviço: viajava pelo deserto e defendia as populações mais pobres, mesmo quando não eram cristãos.

Também será conhecida a data da canonização destes beatos:

– Lazzaro, leigo indiano mártir, conhecido por Devasahayam;

– Cesare de Bus, sacerdote e fundador da Congregação dos Padres da Doutrina Cristã;

– Luigi Maria Palazzolo, que fundou as Irmãs dos Pobres, também conhecido como Instituto Palazzolo;

– Giustino Maria Russolillo, sacerdote, fundador da Sociedade das Divinas Vocações e da Congregação das Irmãs das Divinas Vocações;

– Maria Francesca di Gesù, fundadora das Irmãs Terciárias Capuchinhas de Loano, que nasceu em Carmagnola (Itália) e morreu em Montevidéu (Uruguai)

– Maria Domenica Mantovani, cofundadora e primeira Superiora-geral do Instituto das Pequenas Irmãs da Sagrada Família.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter