Em breve, será canonizado Charles de Foucauld

Missionário francês, morto na Argélia em 1916, foi proclamado beato pelo Papa Bento XVI em 2005

Charles de Foucauld (foto: Reprodução)

O Papa Francisco convocou um consistório ordinário público de cardeais para votar as causas de canonização de sete novos santos. Entre eles, está o Beato Charles de Foucauld, missionário francês morto na Argélia em 1916. Foucauld é beato desde 2005, proclamado pelo Papa Bento XVI.

O consistório será em 3 de maio. Trata-se de uma reunião protocolar entre o Papa e os cardeais presentes em Roma, em que se marca a data da cerimônia.

LEIA TAMBÉM

Papa Francisco: sacerdócio não é carreira, é serviço

Francisco: o amor de Cristo não é seletivo, abraça a todos

Dia da Terra: ‘Estamos no limite. É hora de agir’, afirma o Papa

Charles de Foucauld foi autor de livros espirituais e promotor do diálogo com os muçulmanos. Como missionário, viveu em oração, silêncio e serviço: viajava pelo deserto e defendia as populações mais pobres, mesmo quando não eram cristãos.

Também será conhecida a data da canonização destes beatos:

– Lazzaro, leigo indiano mártir, conhecido por Devasahayam;

– Cesare de Bus, sacerdote e fundador da Congregação dos Padres da Doutrina Cristã;

– Luigi Maria Palazzolo, que fundou as Irmãs dos Pobres, também conhecido como Instituto Palazzolo;

– Giustino Maria Russolillo, sacerdote, fundador da Sociedade das Divinas Vocações e da Congregação das Irmãs das Divinas Vocações;

– Maria Francesca di Gesù, fundadora das Irmãs Terciárias Capuchinhas de Loano, que nasceu em Carmagnola (Itália) e morreu em Montevidéu (Uruguai)

– Maria Domenica Mantovani, cofundadora e primeira Superiora-geral do Instituto das Pequenas Irmãs da Sagrada Família.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter